Voos da LATAM entre Lisboa e São Paulo estão “acima das expectativas” – Thibaud Morand

11-10-2018 (01h23)

Os voos da LATAM Airlines entre Lisboa e São Paulo, que começaram a 3 de Setembro, cinco vezes por semana, estão “acima das expectativas”, com um load factor acima de 85%, disse esta quarta-feira Thibaud Morand, director Comercial da LATAM Airlines para Espanha.

“Tal como nestas primeiras semanas de operação, as reservas para o futuro estão a decorrer bem, estamos muito contentes e com muito boas perspectivas para esta rota”, disse Thibaud Morand aos jornalistas, num evento de apresentação da nova rota em Lisboa, em que juntou agências de viagens, operadores turísticos e outros parceiros.

A companhia aérea prevê transportar mais de cem mil passageiros por ano na rota Lisboa - São Paulo, que está a operar em aviões Boeing B767 com capacidade para 191 passageiros em económica e 30 em premium business.

Quase todas as vendas em Portugal para os voos da LATAM entre Lisboa e São Paulo são feitas através de agências de viagens, disse o executivo, como aliás já havia dito ao PressTUR, em finais de Junho, Rodrigo Contreras, director da companhia aérea para a Europa, (clique para ler: LATAM já vende Lisboa – São Paulo e “está a correr muito bem” / Diversidade é o ‘trunfo’ da LATAM para entrar nos voos Lisboa – São Paulo).

Thibaud Morand frisou que, desde o início da operação, foram “muito bem acolhidos pelos agentes de viagens e pela APAVT”, e acrescentou que “é fundamental que tenhamos a melhor relação, para que nos apoiem e para que nós também os possamos apoiar”.

Questionado sobre a possibilidade de iniciar operações no Porto, um desafio deixado no discurso de Francisco Pita, Chief Commercial Officer da ANA, gestora dos aeroportos portugueses, Thibaud Morand respondeu que “de momento ainda não estamos a contemplar o Porto”.

“Para nós já foi um grande trabalho iniciar esta operação para Lisboa e queremos consolidar esta operação antes de começar qualquer outra operação”, acrescentou.

Sobre um eventual reforço em Lisboa, Thibaud Morand disse que a companhia está “sempre a pensar em colocar mais voos para Lisboa, inclusivamente mais operações, mas é preciso ir por fases e, neste momento, ainda estamos a começar”.

 

Continua:

Rota da LATAM entre Lisboa e São Paulo contribui para “mais qualidade de serviço aos nossos clientes” – APAVT

 

Ver também:

LATAM aumenta capacidade em 8% em Setembro e sofre queda acentuada da ocupação dos voos

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: LATAM Airlines

Clique para ver mais: APAVT

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair lança-se na venda de bilhetes para eventos desportivos

14-12-2018 (17h12)

A Ryanair anunciou que começou a comercializar bilhetes para eventos desportivos, designadamente para jogos de futebol das primeiras divisões espanhola e francesa.

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Operador dinamarquês vai ter charters para Portugal com a Jet Time, após falência da Primera Air

14-12-2018 (15h49)

O operador turístico dinamarquês Bravo Tours contratou a companhia aérea Jet Time para fazer as suas operações charter no próximo Verão, incluindo voos para Portugal, que estavam previstas ser realizadas pela Primera Air, que declarou falência em Outubro.

TAP prevê poupar 30 milhões de euros na factura de combustível em 2019

14-12-2018 (12h56)

A TAP prevê conseguir em 2019 uma poupança de 30 milhões de euros nos custos de combustível, graças à renovação da frota com aviões mais eficientes, de acordo com o Chief Financial Officer (CFO) da companhia, Raffael Quintas.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

Ultimas Noticias