Transporte aéreo de passageiros voltou a crescer acima de 6% em Outubro

06-12-2018 (16h25)

A IATA, associação mundial de companhias de aviação, avançou hoje uma estimativa de crescimento do transporte aéreo de passageiros em Outubro de 6,3%, com o seu director-geral, Alexandre de Juniac, a dizer que foi um “desempenho saudável”.

O executivo, porém, realça que uma perspectiva mais alargada mostra que o crescimento do tráfego está mais moderado que nos primeiros meses do ano, reflectindo um ambiente económico com sinais mistos e “reduzido estímulo da procura pelas tarifas baixas”.

A informação da IATA indica as companhias da Ásia Pacífico e da Europa a liderar o crescimento, com aumentos de RPK (passageiros x quilómetros voados) em 7,6% e em 7,4%, respectivamente.

A IATA especifica aliás que as companhias da Europa foram as que tiveram o crescimento mais forte em tráfego internacional no mês de Outubro, com +7,5%, acompanhado de um ganho de 0,4 pontos na taxa de ocupação média, que subiu para 85,2%, a mais elevada de todas as regiões.

A associação assinala que, no entanto, tendo em conta a situação económica na Europa, “não é claro” se a reanimação ocorrida em Outubro é sustentável.

O crescimento médio do tráfego internacional em Outubro foi de 6,3%, com as companhias europeias a serem as únicas a terem um aumento acima de 7%.

Depois das europeias, as africanas foram as que tiveram o aumento mais forte, em 6,8%, seguindo-se América Latina, com 5,9%, Ásia e Pacífico, com 5,8%, América do Norte, com 5,6%, e Médio Oriente, com 4,4%.

A taxa de ocupação das europeias, ao atingir 84,8%, +0,5 pontos que há um ano, foi também a mais elevada do mês, seguindo-se as companhias da América do Norte, com 83,3% (-0,1 pontos), da América Latina, com 80,9% (-1,9 pontos), Ásia e Pacífico, com 80,8% (+0,5 pontos), África, com 71,1% (+0,3 pontos), e Médio Oriente, com 70% (-1,2 pontos).

 

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: IATA

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair lança-se na venda de bilhetes para eventos desportivos

14-12-2018 (17h12)

A Ryanair anunciou que começou a comercializar bilhetes para eventos desportivos, designadamente para jogos de futebol das primeiras divisões espanhola e francesa.

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Operador dinamarquês vai ter charters para Portugal com a Jet Time, após falência da Primera Air

14-12-2018 (15h49)

O operador turístico dinamarquês Bravo Tours contratou a companhia aérea Jet Time para fazer as suas operações charter no próximo Verão, incluindo voos para Portugal, que estavam previstas ser realizadas pela Primera Air, que declarou falência em Outubro.

TAP prevê poupar 30 milhões de euros na factura de combustível em 2019

14-12-2018 (12h56)

A TAP prevê conseguir em 2019 uma poupança de 30 milhões de euros nos custos de combustível, graças à renovação da frota com aviões mais eficientes, de acordo com o Chief Financial Officer (CFO) da companhia, Raffael Quintas.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

Ultimas Noticias