TAP volta a tirar o Porto - Barcelona, mas aumenta “ligeiramente” frequência de voos na Invicta

13-08-2019 (17h25)

A TAP vai voltar a deixar de estar presente na rota Porto - Barcelona, que já tivera suspensa entre Março de 2016 e a época alta de 2018, e que dados a que o PressTUR teve acesso indicam ser a segunda principal ligação entre a Catalunha e Portugal, com 40,5% dos passageiros que voaram entre a capital catalã e aeroportos portugueses no primeiro semestre, num total de 331,3 mil.

A informação da TAP diz que a companhia “redirecciona a capacidade dos voos Porto-Barcelona e Porto-Lyon, suspendendo a operação nesses mercados, que conta com ampla oferta da concorrência, para construir a novíssima Ponte Aérea entre Porto e Madrid, que contará com seis frequências diárias, mais que o dobro da oferta actual”.

Dados da AENA a que o PressTUR teve acesso indicam que o Porto foi a origem/destino em Portugal de quase 39% dos passageiros que voaram entre o Aeroporto de Barcelona e Portugal em 2018, num total de 593,5 mil.

A informação divulgada hoje pela TAP indica que, além da criação da “novíssima Ponte Aérea entre Porto e Madrid”, a cessação da rota Porto - Barcelona, “permite ainda aumentar as ligações entre o Porto e o Funchal com mais um voo diário, a meio do dia, operado no novo Airbus A321neo Long Range e fazer a operação diária do Porto-Newark (EWR) e a quarta frequência semanal Porto-São Paulo”.

A informação da TAP, no entanto, não especifica com que avião voará a ‘ponte aérea’ entre o Porto e Madrid, que é uma ‘ponte aérea’ com menos voos por semana que entre Lisboa e Paris ou entre Lisboa e o Funchal, que não receberam ainda o cognome de ‘ponte aérea’, o qual, além do Porto - Madrid também passou a ser aplicado pela companhia portuguesa ao Lisboa - Madrid, sem que a TAP esclareça qual será neste caso a frequência de voos e que avião vai utilizar.

O comunicado da TAP, porém, deixa claro que também em Lisboa há capacidade quer será “redireccionada”, eufemismo para cessação de rotas, no caso do Aeroporto de Lisboa as de Estugarda, Colónia e Basileia, rotas que iniciou, respectivamente, no Verão de 2017 (clique para ler: TAP anuncia seis novos destinos e reforço em cinco rotas), em 15 de Julho de 2017 (clique para ler: TAP vai voar duas vezes por dia entre Lisboa e Colónia a partir de 15 de Julho) e em Abril deste ano (clique para ler: TAP anuncia novas rotas de Lisboa para Telavive, Dublin e Basileia).

O comunicado acrescenta ainda para o Aeroporto do Porto que “a Ponte Aérea a jacto para Lisboa ganha mais uma frequência diária em relação ao Verão de 2019”, concluindo que “com estes ajustes, a TAP aumenta ligeiramente as frequências no Porto em 2020 e assegura o espaço reconquistado nos últimos dois anos”.

A lógica assumida pela TAP para explicar estas alterações de rede é “redireccionar a capacidade para mercados onde a competitividade da Companhia seja maior”.

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair quer que tripulantes da base de Faro aceitem alterar contratos para sazonais

18-09-2019 (18h13)

A low cost Ryanair admitiu em “nota” de distribuição restrita recuar no encerramento da base de Faro, mas dizendo que a sua continuação “poderá agora ser possibilitada pelo acordo das tripulações baseadas” na infra-estrutura “em mudar para contratos sazonais, para reflectir a natureza sazonal do tráfego de e para o Algarve”.

Ryanair invoca “razões comerciais” para cessar voos entre Lisboa e Porto

18-09-2019 (18h07)

A Ryanair decidiu abandonar a rota entre o Porto e Lisboa “por razões comerciais”, segundo fonte oficial da low cost citada pela Agência Lusa, a qual realçou que, ainda assim, continuará a “operar 57 rotas do Porto e 30 de Lisboa”.

Sindicato dos pilotos da British Airways desconvoca greve de 27 de Setembro

18-09-2019 (17h52)

O sindicato dos pilotos da British Airways (BALPA) desconvocou a greve prevista para 27 de Setembro e pretende iniciar “novas negociações” com a empresa sobre as condições laborais, segundo anunciou hoje.

SATA abre programa de pré-reformas para funcionários com mais de 59 anos

18-09-2019 (17h39)

A Administração do grupo SATA abriu um programa de reformas antecipadas para os trabalhadores com mais de 59 anos, no âmbito do processo de reestruturação da companhia aérea açoriana, noticiou a Lusa, que cita uma comunicação interna a que teve acesso.

Ryanair cessa voos entre Lisboa e Porto

18-09-2019 (17h03)

A low cost Ryanair, que já em Abril tinha reduzido a sua oferta de voos entre Lisboa e o Porto, vai deixar mesmo de operar essa rota, a partir de 25 de Outubro, início do chamado Inverno IATA.

Noticias mais lidas