TAP vai voar Porto – Lisboa só com aviões A320 a partir de Janeiro

19-11-2018 (13h07)

A TAP anunciou hoje que a partir de Janeiro vai passar a operar a ponte aérea Porto – Lisboa só com aviões A320, o que permitirá aumentar a oferta de lugares em 50%, para um total de 220 mil por ano, embora com menos voos por dia.

A companhia de aviação portuguesa especificou que a partir de Janeiro a ponte aérea terá 13 ligações por dia, em cada sentido, o que corresponde a menos cinco voos em cada sentido.

No final do mês de Outubro, a TAP reforçou a ponte aérea com mais um avião, ficando com nove aeronaves a operar 18 voos por dia (clique para ler: TAP põe mais um avião a fazer a ponte aéra Lisboa – Porto).

Ao passar a operar a ponte aérea só com aviões A320, além do aumento da oferta de lugares, será possível ter as aeronaves estacionadas em manga, “o que tornará mais ágil e rápido o embarque e desembarque dos passageiros”, sublinha a transportadora portuguesa em comunicado.

“A operação fica assim mais eficiente, nomeadamente no Aeroporto de Lisboa, face aos constrangimentos existentes”, salientou a TAP, acrescentando que “o transporte de bagagem também será facilitado com os aviões a jato, o que trará benefícios nomeadamente para passageiros em trânsito para voos internacionais”.

O reforço da oferta de lugares nas ligações entre as cidades de Lisboa e Porto “vem no sentido de dar resposta à procura que a ponte aérea tem tido desde o seu lançamento, em 2016, sempre com elevadas taxas de ocupação”.

O CEO da TAP, Antonoaldo Neves, citado em comunicado, salientou que a opção por voar apenas com aviões a jato “contribuirá ainda mais para os níveis de pontualidade e para o conforto dos nossos passageiros”.

A Ponte Aérea já alcançou os 2 milhões de passageiros transportados desde o seu lançamento, em 2016.

A TAP acrescenta que no ano passado, do total de 595 mil passageiros com destino ao Porto, 49% compraram a viagem na Europa (293 mil), 30,8% em Portugal, fora do Porto (183 mil), 9% no Brasil (54 mil) e 4% nos EUA (26 mil).

A partir de Janeiro, a ponte aérea da TAP terá voos à saída do Porto às 5h, 6h, 7h, 8h, 9h, 10h, 12h, 14h, 16h, 18h, 20h, 21h e 22h, e voos à partida de Lisboa às 6h, 7h, 8h, 10h, 12h, 14h, 16h, 18h, 19h, 20h, 21h, 22h e 23h.

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: TAP

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Vueling vai ter voos Tenerife - Lisboa

15-02-2019 (16h56)

A Vueling, low cost do IAG, grupo de que fazem parte também a British Airways, a Iberia, a Aer Lingus e a Level, vai ter voos entre Tenerife e Lisboa a partir de Abril.

TAP transporta menos passageiros este Janeiro nas suas rotas espanholas

15-02-2019 (15h47)

A TAP, que em meados do ano passado retirou A Coruña, Astúrias e Vigo da sua rede de destinos em Espanha, começou 2019 com uma quebra de passageiros nas ligações com o país vizinho em 3,4% ou cerca de 4,7 mil, de acordo com dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos pela AENA.

Passageiros em voos entre Espanha e Portugal aumentam 10,8% em Janeiro

15-02-2019 (15h33)

Os aeroportos espanhóis somaram este Janeiro 357,6 mil passageiros de voos de/para Portugal, +10,8% ou mais 34,9 mil que no primeiro mês de 2018, de acordo com dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos pelo PressTUR.

Aeroportos espanhóis começam 2019 com aumento de um milhão de passageiros

15-02-2019 (15h08)

Os 49 aeroportos espanhóis somaram 16,58 milhões de passageiros no primeiro mês deste ano, com um aumento em 7% ou 1,08 milhões em relação a Janeiro de 2018, cerca de metade do qual em Madrid Barajas e em Barcelona El Prat, de acordo com a AENA, gestora dos aeroportos espanhóis.

Lucro da Finnair baixa 11% para 150,7 milhões de euros em 2018

15-02-2019 (14h37)

A Finnair, que voa de Helsínquia para Lisboa e tem programado voar também para o Porto, obteve um lucro líquido de 150,7 milhões de euros em 2018, menos 11% do que no ano anterior, apesar de um aumento da facturação.