TAP teve crescimentos a dois dígitos em todas as suas ‘rotas espanholas’ em 2017

17-01-2018 (18h21)

Barcelona, onde cortou as ligações com o Porto, foi o aeroporto espanhol onde a TAP teve o crescimento mais fraco em 2017, ainda assim em 19,2%, de acordo com os dados da AENA consultados pelo PressTUR, dos quais concluiu que a companhia portuguesa cresceu a dois dígitos em todas as suas ‘rotas espanholas’.

O crescimento mais forte foi no aeroporto de Vigo, onde a TAP teve um aumento de passageiros em 179,9%.

Seguiram-se os aumentos em 61% na rota de A Coruña, em 55,6% nos voos de/para Astúrias (Oviedo), em 51,4% nos voos de/para Valência, em 50,2% nos voos de/para Málaga, em 45,1% nos voos de para Sevilha, em 38,3% nos voos de/para Madrid, em 23,4% nos voos de/para Bilbau e em 19,2% nos voos de/para Barcelona.

A rota que mais contribuiu para o aumento de passageiros nas ‘rotas espanholas’ da TAP em 2017 foi porém a de Madrid, um aeroporto onde a líder é a Iberia, seguida pela Air Europa, a Ryanair, a Ibeira Express e a Air Nostrum.

A TAP teve em Madrid 645,1 mil passageiros, mais 178,7 mil que em 2016, o que significa 36,9% do aumento total das suas ‘rotas espanholas’, e subiu no ranking das maiores companhias na capital espanhola, de 16ª em 2016 para 12ª no ano passado.

O segundo maior contributo veio dos voos de/para o Aeroporto de Barcelona, que tem como líderes a Vueling, a Ryanair, a easyJet, a Norwegian e a Lufthansa, e a TAP subiu de 16ª a 13ª maior, por um aumento em 89,4 mil passageiros, apesar do corte da rota do Porto.

Valência foi o aeroporto espanhol onde a TAP teve o 3º maior aumento em 2017, com mais 34,6 mil, e depois estiveram Sevilha com mais 29,6 mil, Málaga com mais 29,2 mil, Vigo com mais 20,6 mil, Bilbau, com mais 14,8 mil, Astúrias com mais 10,3 mil e A Coruña com mais 9,4 mil.

Os dados recolhidos pelo PressTUR permitem ver que em Valência, 10º maior aeroporto espanhol em 2017, com 6,74 milhões de passageiros, e onde as maiores companhias são a Ryanair, a Vueling, a Air Nostrum, a Air Europa e a easyJet, a TAP subiu no ano passado de 15ª, em 2016, a 11ª maior.

Em Sevilha, 12º maior aeroporto espanhol, com 5,1 milhões de passageiros, onde as maiores são Ryanair, Vueling, Iberia Express, Transavia France e Air Nostrum, a TAP subiu de 11ª a 10ª.

Em Málaga, 4º maior aeroporto espanhol, com 18,6 milhões de passageiros em 2017 e onde as líderes são Ryanair, easyJet, Vueling, Norwegian e Jet2.com, a TAP subiu de 36ª a 35ª.

Em Vigo, 22º maior aeroporto espanhol, com 1,06 milhões de passageiros, a TAP subiu no ano passado a 6ª maior companhia (8ª em 2016), em Bilbau, 13º maior aeroporto espanhol, com 4,97 milhões de passageiros, a TAP manteve-se a 13ª maior companhia, no aeroporto de Astúrias, 18º de Espanha, com 1,4 milhões de passageiros em 2017, a TAP na 8ª posição e em A Coruña, 21º maior aeroporto, com 1,14 milhões de passageiros em 2017, a TAP manteve-se a 4ª maior companhia.

Nos aeroportos onde se estreou a partir do Verão de 2017, Gran Canária (6º maior de Espanha, com 13,09 milhões de passageiros em 2017) e Alicante (5º maior, com 13,7 milhões de passageiros), a TAP foi, respectivamente, 42ª e 35ª maior.

 

Para ler mais sobre os aeroportos espanhóis em 2017 clique:

TAP transportou 40% dos passageiros que voaram entre Portugal e Espanha em 2017

Madrid - Lisboa é a 2ª rota internacional com mais passageiros nos aeroportos espanhóis

Voos entre Portugal e Espanha ultrapassaram pela primeira vez os quatro milhões de passageiros

TAP subiu a 25ª maior companhia nos aeroportos espanhóis com 1,7 milhões de passageiros

 

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Espanha

 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Expansão da TAP “espera ansiosamente" pelo aeroporto no Montijo – Miguel Frasquilho

18-10-2019 (13h40)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, afirmou em Macau que a expansão da TAP depende da construção do novo aeroporto no Montijo, que a companhia aérea portuguesa “espera ansiosamente" para poder expandir na Portela, em Lisboa.

Presidente da TAP descarta voos directos para a China “num futuro imediato”

18-10-2019 (13h38)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, descartou a hipótese de a companhia fazer voos directos de Portugal para a China "num futuro imediato", apesar do crescimento de turistas daquele país asiático.

TAP anuncia mais 20% de capacidade para Luanda no próximo ano

17-10-2019 (14h53)

A TAP vai reforçar a sua capacidade para Luanda em mais 20% a partir do próximo ano, anunciou na capital angolana o seu Chief Marketing and Sales Officer, Abílio Martins, que realçou que para a companhia Angola “é um mercado estratégico”.

EgyptAir abre terceira rota para a China

17-10-2019 (13h47)

A companhia de aviação egípcia EgyptAir, parceira da TAP na Star Alliance, anunciou para finais do próximo mês a abertura da sua terceira rota para a China, do seu hub no Cairo para Hangzhou.

Swiss retoma hoje operação normal em A220

17-10-2019 (13h39)

A Swiss, companhia de aviação suíça do grupo Lufthansa, anunciou que hoje retoma o calendário normal de voos em Airbus A220, que decidiu interromper depois de na terça-feira ter tido que desviar para Paris um voo Londres Heathrow - Genebra porque um dos motores parou.

Noticias mais lidas