TAP divulga preços para upgrades nas portas de embarques

15-11-2016 (16h34)

A TAP permite desde hoje upgrades e pagamento excessos de bagagens nas portas de embarque mediante pagamento de taxas que no primeiro caso vão de 89 a 399 euros, consoante as rotas, de acordo com uma informação que dirigiu às agências de viagens portuguesas e a que o PressTUR teve acesso.

Essa informação indica que o preço de 89 euros (79 euros no check-in) é em voos domésticos, ilhas, Espanha e Norte de África, enquanto nos voos intercontinentais o valor é de 399 (359 no check-in).

Em outros voos intra-europeus à excepção de Moscovo o upgrade na porta de embarque tem o preço de 139 euros (119 no check-in) e para os voos de médio curso África e Moscovo é 169 euros (139 no check-in).

Ao anunciar esta tabela a companhia salienta que "é já a partir de hoje, 15 Novembro de 2016, que passa a ser possível efectuar upgrades e pagamentos de excesso de bagagem na porta de embarque", acrescentando que, assim, "os passageiros poderão pagar qualquer serviço adicional directamente no balcão de check-in, nos Kioks, ao efectuar o check-in online e na porta de embarque".

A informação especifica ainda que "o pagamento será efectuado na própria moeda do mercado, sendo convertido ao câmbio diário (BSR), com excepção dos EUA e Canadá que, devido às regras DOT/CTA terão valores fixos na moeda local".

A mesma informação diz ainda que se aplica a" voos operados pela TAP (NI e White incluídos), excepto Ponte Aérea (voos Lisboa/Porto/Lisboa)", mas não está disponível nos aeroportos de VGO/LCG.

"O upgrade será possível mediante a disponibilidade de lugares na classe Executiva e os valores serão aplicados sempre por cada segmento de voo", acrescenta a informação.

 

Para ler mais sobre os excessos de bagagens clique:

TAP vai cobrar 90 a 200 euros por bagagem de mão que exceda 115 centímetros na soma das três medidas


Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Grupo TAP prepara-se para entrar em bolsa a partir de 2020

22-03-2019 (18h21)

A TAP SGPS está a trabalhar para, a partir de 2020, estar pronta a avançar com uma IPO (Oferta Pública Inicial), com uma percentagem entre 15% e 30%, anunciou hoje o presidente da Comissão Executiva do grupo.

Grupo TAP tem prejuízo de 118 milhões de euros em “ano necessário”

22-03-2019 (18h06)

O Grupo TAP passou de um lucro de 21,2 milhões de euros em 2017 para um prejuízo de 118 milhões de euros em 2018, um ano de transformação necessária para preparar o futuro, segundo descreveram hoje Miguel Frasquilho, Antonoaldo Neves e David Neeleman.

TAP quer acabar com “dependência” do Brasil através da diversificação de mercados

22-03-2019 (16h42)

A TAP está a trabalhar na diversificação de mercados para acabar com a “dependência” do Brasil, um mercado que representa quase 25% das vendas totais da companhia e que no ano passado teve uma quebra de receitas de 10%, em euros.

TAP vai investir “cada vez mais” nas vendas directas

22-03-2019 (15h13)

As vendas da TAP através dos seus canais directos, como o seu website e o contact center, representaram 41% das vendas da companhia aérea em 2018, e o objectivo é chegar a 50%, disse hoje Raffael Quintas, Chief Financial Officer (CFO) da companhia.

Companhia aérea indonésia cancela encomenda de 49 aviões Boeing 737 MAX

22-03-2019 (14h30)

A companhia aérea indonésia Garuda anunciou hoje o cancelamento de uma encomenda de 49 aviões Boeing 737 MAX, aparelho ligado a dois acidentes, o mais recente dos quais a 10 de Março, na Etiópia.