TAP deixa de voar para Bogotá, Panamá e Manaus mas mantém a ligação com Belém do Pará

17-01-2016 (20h12)

A TAP vai interromper a partir de finais de Março os voos para Bogotá, Panamá e Manaus que tinha introduzido no início do Verão de 2014, de acordo com informações já disponíveis em GDS a que o PressTUR teve acesso e confirmou no website da companhia.

Manaus, no Norte do Brasil, tinha sido apontado como o destino que permitia à TAP completar a cobertura do país com voos directos para Lisboa (clique para ler: TAP prepara-se para ‘fechar o anel’ no Brasil. Agora é a vez de abrir o Norte — Manaus e Belém).

O anúncio da nova linha foi confirmado pouco depois, durante o Fórum Empresarial Algarve, em Outubro, sendo então especificado que a rota seria Lisboa - Manaus - Belém - Lisboa e o primeiro voo estava marcado para de 3 de Junho, a tempo, portanto, no Mundial de Futebol do Brasil, em que um dos jogos da selecção portuguesa foi precisamente na capital da Amazónia (para ler mais clique: TAP já tem à venda o novo voo de Manaus e Belém desde 907,28 euros nas primeiras partidas).

A informação a que o PressTUR e também já referida pela imprensa brasileira indica que embora suspenda Manaus a companhia manterá voos para Belém, que beneficiará assim de ter voos directos de/para Lisboa.

Os passageiros que já tinham comprado passagens TAP de/para Manaus serão servidos via Belém, como voos da Azul de David Neeleman entre as suas cidades brasileiras.

Bogotá e Panamá, por sua vez, foram apresentados como destinos que marcavam o início de uma incursão da TAP à América de língua espanhola, no sentido de ser países onde não existia forte presença portuguesa, como era o caso da Venezuela, para onde voa há dezenas de anos (clique para ler: TAP ‘estende as asas’ à América ‘espanhola’ e acrescenta seis destinos europeus).

Também nesta rota o voo fazia dois destinos (Lisboa - Bogotá - Panamá - Lisboa), mas neste caso porque o avião da TAP não podia deslocar da capital colombiana directamente para Lisboa.

O primeiro voo foi a 1 de Julho e de acordo com as informações a que o PressTUR teve acesso já não se efectuará, tal como a ligação com Manaus, a partir do início do Verão IATA, em finais de Março.

 

Clique para mais notícia: Aviação

Clique para mais notícias: Brasil

Clique para mais notícias: América

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP: A330-900neo vão reforçar ligação Lisboa-São Paulo

25-03-2019 (18h03)

O mais recente Airbus A330-900neo da TAP, o quinto da companhia portuguesa, já voou para São Paulo à saída de Lisboa, uma ligação que vai ser reforçada com este modelo.

Programa de Interline da APG Portugal já conta com a Hong Kong Express Airways

25-03-2019 (17h30)

A Hong Kong Express Airways, companhia low cost com base no Aeroporto Internacional de Hong Kong, passou a fazer parte do programa de emissão de bilhetes interline da APG Portugal, que actualmente conta com 82 companhias.

Voos para Lisboa representam “um marco na nossa expansão europeia”, CEO da Qatar Airways

25-03-2019 (14h44)

“Esta nova ligação representa um marco na nossa expansão europeia”, afirmou o CEO da Qatar Airways, Akbar Al Baker, citado num comunicado sobre os novos voos entre Doha e Lisboa que a companhia aérea fará a partir de 24 de Junho.

Primeira Conferência Ministerial sobre Transporte Aéreo e Turismo em África decorre na Ilha do Sal

25-03-2019 (12h45)

A Ilha do Sal, do Arquipélago de Cabo Verde, vai receber a I Conferência Ministerial sobre o Transporte Aéreo e o Turismo em África entre 27 e 29 de Março, que vai contar com a presença de ministros do turismo e transporte aéreo de 54 países africanos.

Hangar da Hi Fly em Beja deverá começar a funcionar no 4º trimestre de 2020

25-03-2019 (12h03)

A Mesa, do grupo Hi Fly, já começou a construir o hangar para manutenção de aviões no aeroporto de Beja, que prevê ter a funcionar no 4º trimestre de 2020, revelou hoje Paulo Mirpuri, presidente do grupo.