TAP anuncia ter transportado 12 milhões de passageiros até Setembro

10-10-2018 (17h12)

A TAP, que desde Maio tinha deixado de divulgar mensalmente dados de tráfego como o PressTUR assinalou no passado dia 28, publicou hoje um comunicado em que diz ter superado os 12 milhões de passageiros nos primeiros nove meses deste ano, com um aumento em 13,6% ou cerca de milhão e meio em relação ao período homólogo de 2017.

O CEO da companhia já tinha avançado no Parlamento que a TAP estava com um crescimento em 13% este ano (para ler mais clique: TAP está a crescer 13% — Antonoaldo Neves), mas o comunicado de hoje enfatiza que a companhia já está com “mais [passageiros] do que os 11,7 milhões de passageiros transportados em todo o ano de 2016”.

A informação, ao contrário do que é prática corrente das companhias aéreas, não inclui dados rigorosos sobre sectores de rede, cingindo-se a dizer que “voos que ligam Lisboa a Porto, Madeira e Paris são aqueles em que a TAP transportou mais passageiros em Setembro, alcançando os 191 mil passageiros nestas rotas”, o que apenas significa “tudo como dantes quartel-general em Abrantes”.

Relativamente às rotas e mercados com mais peso na facturação, a informação da TAP nada diz, mantendo, aliás, a lógica de não divulgar os RPK (do inglês para passageiros x quilómetros voados) e ASK (do inglês para lugares x quilómetros voados), como é prática corrente da aviação internacional (à excepção das low cost), incluindo a sua ‘irmã’ brasileira, a Azul, fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP.

O comunicado da TAP diz, relativamente ao mês de Setembro, que a companhia transportou 1,48 milhões de passageiros, quando no mês homólogo de 2017 transportara 1,38 milhões, segundo a informação que divulgou à época.

O comunicado diz ainda “a taxa de ocupação dos lugares oferecidos foi de 82,3 por cento em Setembro, em linha com a média de 82,4 por cento registada de Janeiro a Setembro do ano corrente”, embora a companhia tradicionalmente calcule a taxa de ocupação em RPK/ASK, como a sua ‘irmã’ Azul e a generalidade das companhias de aviação, e não em passageiros/número de lugares, como fazem as low cost.

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Delta acredita estar “no bom caminho e com sucesso” em Portugal, director regional de Vendas

23-05-2019 (15h28)

“Não olhamos para o desempenho da concorrência. Estamos no bom caminho e com sucesso”, disse o director regional de Vendas para o Sul da Europa da Delta Airlines, Frederic Schenk, a propósito da aposta da TAP na América do Norte.

Senado brasileiro aprova medida que retira limite ao investimento estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

23-05-2019 (09h07)

O Senado brasileiro aprovou na quarta-feira uma medida provisória que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas instaladas no país, noticiou a imprensa local.

TAP cresce menos que o mercado Espanha - Portugal e em Madrid até tem quebra

22-05-2019 (16h54)

A TAP, que no primeiro quadrimestre de 2018 foi a companhia de aviação de 42,2% dos passageiros que voaram entre Espanha e Portugal nesse período, este ano baixou para 37,5%, reflectindo a cessação de três rotas e uma quebra de 1,7% no Aeroporto de Madrid.

TAP oferece 100 viagens em leilão para assinalar a chegada do seu 100º avião

22-05-2019 (16h46)

A TAP lançou uma campanha para os clientes do seu programa de fidelização Miles&Go, na qual tem uma centena de viagens para oferecer em leilão, com alojamento em hotéis do grupo Pestana.

Voos entre Espanha e o Brasil crescem 11,7% impulsionados pelos voos LATAM de Barcelona

22-05-2019 (16h33)

O movimento de passageiros em voos entre Espanha e o Brasil cresceu 11,7% no primeiro quadrimestre, atingindo um total de 366,6 mil, com o crescimento a ser impulsionado principalmente pelas ligações com o Aeroporto de Barcelona El Prat, cuja principal operadora é a LATAM Brasil (antiga TAM).

Noticias mais lidas