TAAG recebe novo B777-300ER e passa a ter dois voos diários Angola-Portugal a 2 de Junho

04-05-2016 (13h06)

Novo Boeing B777-300ER “Iona” da TAAG (Foto: Boeing)
Novo Boeing B777-300ER “Iona” da TAAG (Foto: Boeing)

A companhia angolana TAAG já tem em seu poder um novo Boeing B777-300ER que lhe permitirá executar o plano de ter dois voos por dia entre Angola e Portugal como anunciado pelo seu CEO, Peter Hill, em declarações ao PressTUR.

Peter Hill, que falava ao PressTUR em Dublin, durante o evento CAPA Airlines in Transition 2016, avançou então não só o propósito de garantir dois voos diários entre a capital angolana e Portugal, com 11 para Lisboa e três para o Porto, como construir um hub no Aeroporto 4 de Fevereiro, em Luanda.

O comunicado da Boeing em que é anunciada a entrega à TAAG do novo avião, baptizado    “Iona”, em homenagem ao Parque Nacional do Iona, localizado na província do Namibe, avança, a este propósito, que com este reforço de frota a companhia pode mesmo efectivar esse plano a partir de 2 de Junho.

Peter Hill, citado no comunicado, destaca, por sua vez, que a TAAG se tornou a companhia com mais Boeing B777 na África Austral e que este é o avião que constitui a “espinha dorsal” da sua frota.

A Boeing afirma que o B777-300ER é o avião da sua classe mais eficiente em custos e o mais fiável, além de ter a maior capacidade de carga de todos os aviões de passageiros.

O aparelho da TAAG, de acordo com a imprensa angolana, pode transportar 225 passageiros em económica, 56 em executiva e 12 em primeira classe.

A TAAG reclama que com este avião oferece um serviço aos passageiros sem paralelo na concorrência.

O ministro angolano dos Transportes, Augusto Tomás, presente na recepção do novo avião no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, após um voo de 14.015 quilómetros à partida da fábrica da Boeing em Everett, Washington, EUA, afirmou que a TAAG “está a dar passos muito firmes de modo a tornar-se numa companhia líder aqui na região”.

Augusto Tomás também elogiou o trabalho que está a ser desenvolvido pela equipa de Peter Hill, que assumiu a gestão no âmbito de um acordo nesse sentido celebrado com a Emirates.

 

Para ler mais clique:

Dois voos por dia Luanda-Portugal “é reconhecer a importância estratégica” – Peter Hill, CEO da TAAG

TAAG e Emirates anunciam “parceria estratégica”

Emirates diz que acordo de gestão da TAAG é uma das suas linhas de expansão em África

 

Clique para mais notícias: TAAG

Clique para mais notícias: Boeing

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Angola

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Pilotos alemães da Ryanair pronunciam-se sobre greve a partir de Agosto

22-06-2018 (16h26)

O sindicato de pilotos alemães Vereiningung Cockpit (VC) vai promover uma votação entre os seus cerca de 400 associados que trabalham na low cost Ryanair sobre desencadear uma greve a partir de Agosto.

CEO da TAP defende direito a sonhar com liderar tráfego entre a Europa e a América do Norte

20-06-2018 (17h57)

Embora tenha pela frente concorrentes como a British Airways, que ainda em 4 de Maio começou a voar de Londres-Heathrow para Nashville, sua 26ª cidade nos Estados Unidos, o CEO da TAP reivindicou hoje no Porto o direito a da companhia a “sonhar grande em relação a ser a principal companhia aérea que liga a Europa à América do Norte”.

CEO da TAP garante aposta no Porto e ironiza: “a concorrência que se cuide”

20-06-2018 (17h51)

O Aeroporto Francisco Sá Carneiro "é historicamente um dos alicerces da TAP", que tem um "compromisso total e absoluto" com o Porto, garantiu hoje o CEO da companhia, Antonoaldo Neves, que rematou com um: "Queremos ter uma posição dominante no Porto, e a concorrência que se cuide".

Antonoaldo Neves reconhece pontualidade como “problema gravíssimo” da TAP

20-06-2018 (17h48)

"Temos um problema gravíssimo de pontualidade na ponte aérea e na TAP em geral", reconheceu hoje o CEO da companhia, Antonoaldo Neves, na sessão de balanço da operação da companhia aérea no Porto admitiu, que assegurou tratar-se de um "desafio" a superar nos próximos tempos.

Exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros voltam a crescer acima de 20% em Abril

20-06-2018 (16h28)

As empresas portuguesas de transporte aéreo de passageiros, as maiores das quais a TAP, a Azores Airlines, a euroAtlantic e a Hi Fly, aumentaram em Abril as vendas ao estrangeiro em 23,2%, alcançando assim um aumento médio em 15,3% no quadrimestre.