Ryanair perde COO com a crise da ‘salganhada’ das escalas de pilotos

08-10-2017 (21h46)

O primeiro responsável de Operação da Ryanair (COO, do inglês Chief Operations Officer), Michael Hickey, é, para a imprensa britânica o primeiro executivo da low cost ‘a cair’ pela ‘salganhada’ na gestão de pilotos que a levou a ter que cancelar milhares de voos e centenas de milhares de reservas.

A imprensa britânica diz que Michael Hickey sairá no fim do mês e que o CEO Michael O’Leary lamentou a sua saída, dizendo que será uma dura tarefa encontrar um substituto.

Hickey entrou para a Ryanair em 1988 e em 2000 foi promovido a director de Engenharia, a que se seguiu, há três anos, a promoção a COO.

A imprensa realça que ele era responsável pelas escalas de pilotos quando começaram os problemas, mas essa responsabilidade foi-lhe retirada e entregue ao Chief People Officer, Edward Wilson, a 27 de Setembro, quando a Ryanair anunciou a segunda vaga de cancelamentos.

Uma declaração de O’Leary citada na imprensa britânica diz que Michael Hickey deu um “enorme contributo” para a Ryanair nos últimos 30 anos”especialmente para a qualidade e segurança da nossa engenharia e funções de operações”.

As notícias da imprensa internacional realçam que os problemas não se circunscrevem às escalas, salientando que O’Leary já teve que escrever aos pilotos a ‘retratar-se’ de comentários negativos que tinha feito sobre eles, a apelar-lhes para não trocarem a companhia pela concorrência e prometendo-lhes aumentos salariais.

A Ryanair tem-se empenhando no entanto em afirmar a sua capacidade de recrutamento de pilotos, tendo indicado que nas últimas 12 semanas contratou 210 novos pilotos e que desde o início do ano entraram para a companhia 822.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Governo está em negociações com a Ryanair para aumentar voos com Alemanha

16-01-2019 (17h45)

O ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, disse hoje que o Governo está em negociações com a Ryanair para aumentar ligações aéreas com a Alemanha, origem/destino que para este Inverno tem programados 177 voos regulares por semana de/para Lisboa, operados pelas transportadoras TAP, easyJet, Eurowings, Lufthansa e Ryanair.

Newtour adopta conexões NDC para aceder aos voos do Grupo Lufthansa

16-01-2019 (13h40)

A Newtour, que integra o operador turístico Soltrópico e as agências de viagens Bestravel, assinou um acordo para poder reservar voos das companhias do Grupo Lufthansa através de conexões NDC.

Iberia lança novo website corporativo

16-01-2019 (12h34)

A companhia de aviação espanhola Iberia lançou um novo website corporativo, que diz ter um design mais moderno e intuitivo, fornecendo informações completas sobre a empresa.

Presidente da TAP sinaliza que resultados de 2018 interrompem trajectória “positiva e crescente”

15-01-2019 (18h01)

O ano de 2018 será um “intervalo de curtíssimo prazo” na trajectória dos resultados da TAP, que a médio e longo prazo é “positiva e crescente”, afirmou hoje o presidente do Conselho de Administração do Grupo TAP, Miguel Frasquilho.

TAP prevê ter “em breve” voos em code-share Lisboa – Pequim, via Xi’an, diz Miguel Frasquilho

15-01-2019 (17h17)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, disse hoje que a companhia prevê ter “em breve”, previsivelmente “em Fevereiro ou Março”, um acordo de code-share com a Beijing Capital Airlines para vender os seus voos entre Lisboa e Pequim, via Xi’An.