Ryanair anuncia voos no Verão de Manchester para o Porto e Ponta Delgada

26-01-2018 (12h06)

A low cost Ryanair anunciou a expansão da sua actividade no Aeroporto de Manchester, com o aumento da sua capacidade com mais três aviões, a introdução de dez novas rotas sazonais de Verão, duas das quais para Portugal, para o Porto e para Ponta Delgada, e mais voos nas já existentes, como Lisboa e Faro.

A informação indica que esses novos voos estão à venda desde hoje, mas não especifica, no entanto, as datas de início das novas rotas, nem os dias em que terá essas ligações ou em que terá os reforços nas rotas de Lisboa e do Porto, embora diga que esse três aviões adicionais são para "o seu horário do pico de Verão", que especifica ser de Junho a Setembro.

Além do Porto e Ponta Delgada, as novas rotas sazonais de Manchester são Agadir, Almeria, Barcelona, Reus, Belfast, Cagliari, Palermo, Rhodes e Aeroporto de Veneza Treviso.

O aumento do número de voos em rotas já existentes prevê mais dois por semana para Lisboa e um para o Faro.
Outras rotas que terão mais voos são Alicante, Bolonha, Chania, Fuerteventura, Gran Canária, Ibiza, Lanzarote, Málaga, Maiorca, Nápoles e Tenerife.

A informação da companhia diz ainda que com a expansão anunciada a Ryanair terá mais 300 mil lugares no Aeroporto de Manchester no Verão e que conta que atingirá nove milhões de passageiros por ano.

O Chief Marketing Officer da Ryanair, Kenny Jacobs, em declaração publicada em comunicado da Ryanair declara que nos últimos quatro anos Manchester tem sido uma das quatro bases no Reino Unido com crescimento mais forte e que este verão terá um crescimento em 9% pela aposta em reforçar a sua ligações com destinos de lazer e negócios, destacando Dublin, com cinco voos por dia, Madrid, com voo diário, e Roma, com dez por semana.


Clique par mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Grupo TAP prepara-se para entrar em bolsa a partir de 2020

22-03-2019 (18h21)

A TAP SGPS está a trabalhar para, a partir de 2020, estar pronta a avançar com uma IPO (Oferta Pública Inicial), com uma percentagem entre 15% e 30%, anunciou hoje o presidente da Comissão Executiva do grupo.

Grupo TAP tem prejuízo de 118 milhões de euros em “ano necessário”

22-03-2019 (18h06)

O Grupo TAP passou de um lucro de 21,2 milhões de euros em 2017 para um prejuízo de 118 milhões de euros em 2018, um ano de transformação necessária para preparar o futuro, segundo descreveram hoje Miguel Frasquilho, Antonoaldo Neves e David Neeleman.

TAP quer acabar com “dependência” do Brasil através da diversificação de mercados

22-03-2019 (16h42)

A TAP está a trabalhar na diversificação de mercados para acabar com a “dependência” do Brasil, um mercado que representa quase 25% das vendas totais da companhia e que no ano passado teve uma quebra de receitas de 10%, em euros.

TAP vai investir “cada vez mais” nas vendas directas

22-03-2019 (15h13)

As vendas da TAP através dos seus canais directos, como o seu website e o contact center, representaram 41% das vendas da companhia aérea em 2018, e o objectivo é chegar a 50%, disse hoje Raffael Quintas, Chief Financial Officer (CFO) da companhia.

Companhia aérea indonésia cancela encomenda de 49 aviões Boeing 737 MAX

22-03-2019 (14h30)

A companhia aérea indonésia Garuda anunciou hoje o cancelamento de uma encomenda de 49 aviões Boeing 737 MAX, aparelho ligado a dois acidentes, o mais recente dos quais a 10 de Março, na Etiópia.