Ryanair admite que é quase impossível duas pessoas viajarem juntas se não pagarem para escolher lugar

29-06-2017 (16h16)

Um porta-voz da Ryanair admitiu hoje que os clientes que não pagam para escolher lugar é “quase certo” que lhes será atribuído um dos lugares do meio da fila, uma queixa que está avolumar-se por parte de clientes da low cost que acusam de actuar dessa forma para ‘sacar’ mais uns euros.

O que está em causa é que quem não paga entre dois e 15 euros para escolher lugar, por um lado quase por certo ‘ficará entalado’ no meio da fila, como, também, além de que se pretender viajar acompanhado é quase seguramente impossível porque o sistema separa as pessoas, por vezes, como se queixava um passageiros, com “um avião de distância”.

A questão tem estado em efervescência nas redes sociais ao ponto de a BBC ter avançado para um BBC Watchdog sobre o tema, para o qual teve a colaboração da directora da Oxford University Statistical Consultancy, que perante um caso concreto de quatro reservas em que grupos de quatro passageiros foram todos colocados nos lugares do meio disse que a probabilidade disso acontecer ‘de forma limpa’ era de uma em 540 milhões, ou seja, um pouco pior que ganhar a lotaria, cuja probabilidade é de um em 45 milhões.

Face a este ‘engrossar’ das críticas, um porta-voz da Ryanair veio admitir o que já era óbvio, que não só quando os passageiros pagam para escolher escolhem maioritariamente janela ou coxia, como que o sistema da companhia guarda esses lugares para os que venham a pagar.

As hipóteses de passageiros que não pagam para escolher lugar ficarem separados “são extremamente altas porque muitos dos nossos clientes escolhem pagar para reservarem lugares e esses clientes esmagadoramente preferem janela ou coxia”, começou referir, concluindo que isso explica porque quem não paga e se sujeita à atribuição aleatória de lugar “quase por certo ficará num dos lugares do meio, enquanto nós guardamos os lugares à janela e na coxia para os que desejam pagar por eles”.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Comentários
  • Diogo

    É uma companhia execrável. No entanto, quase todas o são à sua maneira...

    29-06-2017 (17h54)


Escrever comentário

Outras Notícias

Aegean confirma aumento de frequências para Lisboa e Porto

22-02-2019 (18h11)

A companhia de aviação grega Aegean confirmou hoje que tem programado um aumento de frequências para Lisboa e Porto, num comunicado em que anuncia um reforço da sua oferta global este ano em 700 mil lugares.

Ryanair e Wizz Air multadas em Itália por “prática comercial incorrecta” na cobrança da bagagem de mão

22-02-2019 (13h18)

A autoridade da concorrência italiana aplicou uma multa de três milhões de euros à Ryanair e de um milhão de euros à Wizz Air por “prática comercial incorrecta, na medida em que engana o consumidor no preço efectivo do bilhete, ao não incluir na tarifa base um elemento essencial do transporte aéreo que é uma bagagem de mão de maior volume”.

TAP reforça oferta de voos entre Porto e São Paulo a partir de Junho

21-02-2019 (11h58)

A TAP vai reforçar as ligações entre Porto e São Paulo dos actuais dois voos por semana para três voos semanais a partir de Junho, que serão às terças, quintas e Sábados.

easyJet lança nova rota de Verão Porto – Málaga

21-02-2019 (09h56)

A companhia de aviação easyJet anunciou que vai voar entre Porto e Málaga de 2 de Abril a 26 de Outubro, quatro vezes por semana, em A320.

TAP recebe segundo Airbus A320neo

20-02-2019 (18h22)

A TAP comunicou hoje que já recebeu o segundo novo Airbus A320neo, com a matrícula CS-TSB, da encomenda de 71 aviões ao fabricante europeu que conta receber até 2025.