Raio danifica Airbus da Azores Airlines e provoca cancelamentos

11-04-2018 (15h38)

Foto: Airbus
Foto: Airbus

A Azores Airlines está hoje a operar com menos uma aeronave devido a um incidente ocorrido na terça-feira com um Airbus A320, que obrigou ao cancelamento das ligações Lisboa - Pico - Lisboa, disse hoje à agência Lusa fonte da empresa açoriana.

O porta-voz da SATA (que detém a marca Azores Airlines para ligações com o exterior do arquipélago) explicou que o incidente ocorreu na terça-feira, às 19h00, quando, à descolagem em Lisboa, o avião, com destino à ilha Terceira, foi atingido por um raio e teve de regressar à capital.

“Aquele voo acabaria por se realizar com outro aparelho, mas o A320 foi para manutenção para avaliação dos danos provocados, pelo que a frota da Azores Airlines está reduzida”, explicou António Portugal.

Actualmente a frota da Azores Airlines é constituída por três A320, dois A321 e um A330.

António Portugal adiantou ainda que hoje, e devido à falta da aeronave atingida pelo raio, a companhia aérea açoriana foi forçada a cancelar o voo Lisboa - Pico - Lisboa e os passageiros deste voo serão protegidos em ligações via Terceira e Ponta Delgada entre hoje e quinta-feira.

Em causa estão 140 passageiros no voo Lisboa - Pico e 53 na ligação Pico - Lisboa.

A aeronave atingida pelo raio só deverá estar totalmente reparada durante o dia de hoje, segundo a SATA.

A Azores Airlines é, dentro do grupo SATA, o ramo de negócio que opera para fora do arquipélago, seja para Portugal continental, Madeira ou estrangeiro.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Azores Airlines

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Comentários
  • Agnelo Dias

    Sabendo-se que um Avião está protegido contra raios por ser uma gaiola de Faraday perfeita, gostaria de saber qual foi a parte do Avião que foi afectada?

    11-04-2018 (23h57)


Escrever comentário

Outras Notícias

Presidente da TAP sinaliza que resultados de 2018 interrompem trajectória “positiva e crescente”

15-01-2019 (18h01)

O ano de 2018 será um “intervalo de curtíssimo prazo” na trajectória dos resultados da TAP, que a médio e longo prazo é “positiva e crescente”, afirmou hoje o presidente do Conselho de Administração do Grupo TAP, Miguel Frasquilho.

TAP prevê ter “em breve” voos em code-share Lisboa – Pequim, via Xi’an, diz Miguel Frasquilho

15-01-2019 (17h17)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, disse hoje que a companhia prevê ter “em breve”, previsivelmente “em Fevereiro ou Março”, um acordo de code-share com a Beijing Capital Airlines para vender os seus voos entre Lisboa e Pequim, via Xi’An.

Aigle Azur lança nova rota Marselha – Moscovo a partir de Abril

15-01-2019 (15h43)

A Aigle Azur, companhia de aviação francesa maioritariamente detida pelo grupo chinês HNA e por David Neeleman, também accionistas de referência da TAP, vai voar entre Marselha e Moscovo Domodedovo a partir de 31 de Março.

Finnair vai voar de Helsínquia para Sapporo e Punta Cana

15-01-2019 (15h09)

A Finnair, que voa para Lisboa e tem programado voar também para o Porto no próximo Verão a partir de Helsínquia, vai inaugurar em Dezembro duas novas rotas de e para a capital finlandesa, nomeadamente Sapporo e Punta Cana.

Aeroporto Internacional de Macau quer reduzir as emissões de CO2 em 30% até 2028

15-01-2019 (14h38)

O Aeroporto Internacional de Macau anunciou hoje a intenção de reduzir as emissões de dióxido de carbono (CO2) em 30% por movimento até 2028.

Ultimas Noticias