Presidente do Governo dos Açores espera redução de prejuízos da SATA Internacional em 40 a 50%

10-10-2018 (17h51)

Foto: www.azores.gov.pt
Foto: www.azores.gov.pt

O presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, afirmou na terça-feira que a expectativa é que a SATA Internacional reduza, em 2019, “40 a 50%” dos prejuízos e que a SATA Air Açores tenha “um resultado equilibrado”.

“A expectativa é que a SATA Air Açores tenha um resultado equilibrado, que em 2020 continue nesse trajecto, que a SATA Internacional, em 2019 reduza significativamente, na ordem de 40 a 50%, os prejuízos, que continue nesse trajecto de recuperação em 2020, e em 2020 ou 2021 possa ter, também resultados equilibrados”, afirmou Vasco Cordeiro, também líder do PS/Açores, em entrevista à RTP/Açores.

O líder do executivo regional identificou como áreas que estão a ser trabalhadas pelo Conselho de Administração a “reestruturação do financiamento bancário”, a “reestruturação operacional da SATA Air Açores e SATA Internacional”, e a “reestruturação da própria empresa”.

Questionado sobre a sua responsabilidade na situação da companhia enquanto secretário regional da Economia no passado e agora como presidente do Governo Regional, Vasco Cordeiro respondeu sentir-se responsável “pelo grande serviço que a SATA prestou, e presta, aos açorianos”.

“(…) Numa altura de recessão do sector turístico, a sobrevivência do turismo nos Açores muito dependeu daquilo que a SATA fez”, declarou, garantindo ser responsável por “ajudar a criar as medidas, as soluções, que possam levar, que levem a ultrapassar essa situação”.

Sobre a crise que a transportadora regional enfrenta, Vasco Cordeiro afirmou que “a situação da SATA é a situação que muitas companhias aéreas no mundo passam” e que se deve a vários factores, internos e externos.

Em relação à alienação de Capital Social da SATA Internacional, que assegura os voos de e para fora do arquipélago, o líder socialista não adiantou uma data para o desfecho do processo, afirmando apenas que “esta é uma daquelas matérias em que a pressa não serve o interesse da SATA, a pressa não serve o interesse dos açorianos”.

 

Clique para mais notícias: SATA

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Açores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Delta acredita estar “no bom caminho e com sucesso” em Portugal, director regional de Vendas

23-05-2019 (15h28)

“Não olhamos para o desempenho da concorrência. Estamos no bom caminho e com sucesso”, disse o director regional de Vendas para o Sul da Europa da Delta Airlines, Frederic Schenk, a propósito da aposta da TAP na América do Norte.

Senado brasileiro aprova medida que retira limite ao investimento estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

23-05-2019 (09h07)

O Senado brasileiro aprovou na quarta-feira uma medida provisória que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas instaladas no país, noticiou a imprensa local.

TAP cresce menos que o mercado Espanha - Portugal e em Madrid até tem quebra

22-05-2019 (16h54)

A TAP, que no primeiro quadrimestre de 2018 foi a companhia de aviação de 42,2% dos passageiros que voaram entre Espanha e Portugal nesse período, este ano baixou para 37,5%, reflectindo a cessação de três rotas e uma quebra de 1,7% no Aeroporto de Madrid.

TAP oferece 100 viagens em leilão para assinalar a chegada do seu 100º avião

22-05-2019 (16h46)

A TAP lançou uma campanha para os clientes do seu programa de fidelização Miles&Go, na qual tem uma centena de viagens para oferecer em leilão, com alojamento em hotéis do grupo Pestana.

Voos entre Espanha e o Brasil crescem 11,7% impulsionados pelos voos LATAM de Barcelona

22-05-2019 (16h33)

O movimento de passageiros em voos entre Espanha e o Brasil cresceu 11,7% no primeiro quadrimestre, atingindo um total de 366,6 mil, com o crescimento a ser impulsionado principalmente pelas ligações com o Aeroporto de Barcelona El Prat, cuja principal operadora é a LATAM Brasil (antiga TAM).

Noticias mais lidas