Pontualidade de companhias aéreas e aeroportos portugueses está entre as piores do mundo

10-10-2017 (12h54)

A TAP em 141ª e a Azores Airlines (ex-SATA Internacional) em 150ª entre 156 companhias e o Aeroporto de Lisboa em 1.151º, o Porto em 1.121º e Faro em 1.123ª entre 1.196 aeroportos é o ‘retrato da pontualidade’ de companhias aéreas e aeroportos portugueses que emerge dos dado publicados pela OAG relativos ao mês de Setembro.

De acordo com esses dados, a TAP teve em Setembro 62,5% dos voos a chegarem até 15 minutos da hora prevista e a Azores Airlines teve apenas 55,9%.

Já a SATA Air Azores, que opera principalmente voos inter-ilhas, alcançou um índice de pontualidade de 79,7%, que a colocou em 68ª no ranking publicado pela OAG.

Relativamente aos aeroportos, os dados da OAG indicam que as partidas de voos a Lisboa até 15 minutos do horário foi de apenas 49,8%, enquanto no Porto foi de 56,1% e em Faro, de 56%.

Para o Funchal, a OAG indicou 72,7% dos voos a saírem até 15 minutos do horário, para Ponta Delgada, 70,5%, para a Terceira, 76,4%, e para Porto Santo, que teve o melhor índice dos aeroportos portugueses no mês de Novembro, 89,5%.

O Porto Santo, porém, é também o aeroporto português de menor dimensão entre os 1.200 com dados do número de voos publicados pela OAG, em 1.185, com 148 voos.

Lisboa é o nº 80, com 8.946 descolagens, seguido pelo Porto em 210º, 3.592, Faro em 230º, com 3.138, Funchal, em 507º, com 991, Ponta Delgada, em 526º, com 960, e Terceira, em 752º, com 546.

Por companhias, em 395 com número de chegadas de voos publicados pela OAG, a TAP é 60ª com 11.283, a SATA Air Açores é 226ª, com 1.502, a Azores Airlines (ex-SATA Internacional) é 278ª, com 791, e a Orbest, do grupo Barceló Viajes, é 394ª, com 28.

A maior companhia do mundo em número de descolagens é a American, com 182,3 mil, seguida pelas também norte-americanas Delta, com 152,7 mil, United, com 134,4 mil, e Southwest, com 107,9 mil, e pela europeia Ryanair, com 65,7 mil.

Seguem-se a China Southern, com 61,5 mil, a China Eastern, com 59,5 mil, a Air Canada, com 49,7 mil, a easyJet, com 49 mil, e a Lufthansa, com 45,1 mil.

A líder em pontualidade entre estas companhias, segundo os dados da OAG, é a Delta, com 87,4% dos voos a chegarem até 15 minutos da hora prevista, seguida pela United, com 84,2%, a Southwest, com 81,5%, a American, com 81,4%, a Ryanair, com 78,2%, a Air Canada, com 74,9%, a Lufthansam com 70,2%, a easyJet, com 67,5%, a China Southern, com 65,9%, e a China Eastern com 64,2%.

 

Clique para mais notícias: Pontualidade OAG

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Novo A321 Long Range da TAP está pronto para chegar a Telavive e Nova Iorque

24-05-2019 (17h43)

A TAP anunciou que o seu novo avião A321 Long Range, que já está a voar para destinos europeus, também já está registado para operar as rotas da companhia para Telavive, em Israel, e Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Azores Airlines vai manter voos directos entre a ilha Terceira e Toronto no Inverno

23-05-2019 (16h54)

Os voos directos entre a ilha Terceira e Toronto (Canadá), operados pela companhia aérea açoriana Azores Airlines, do grupo SATA, vão estender-se ao Inverno 2019/2020, anunciou hoje o Governo Regional dos Açores.

Delta acredita estar “no bom caminho e com sucesso” em Portugal, director regional de Vendas

23-05-2019 (15h28)

“Não olhamos para o desempenho da concorrência. Estamos no bom caminho e com sucesso”, disse o director regional de Vendas para o Sul da Europa da Delta Airlines, Frederic Schenk, a propósito da concorrência com a TAP nas ligações entre Portugal e a América do Norte.

Senado brasileiro aprova medida que retira limite ao investimento estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

23-05-2019 (09h07)

O Senado brasileiro aprovou na quarta-feira uma medida provisória que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas instaladas no país, noticiou a imprensa local.

TAP cresce menos que o mercado Espanha - Portugal e em Madrid até tem quebra

22-05-2019 (16h54)

A TAP, que no primeiro quadrimestre de 2018 foi a companhia de aviação de 42,2% dos passageiros que voaram entre Espanha e Portugal nesse período, este ano baixou para 37,5%, reflectindo a cessação de três rotas e uma quebra de 1,7% no Aeroporto de Madrid.

Noticias mais lidas