Madrid sobe a primeiro aeroporto da TAP em Espanha

15-05-2017 (16h14)

Aeroportos secundários já ‘rendem’ mais de um quarto dos passageiros

Madrid foi o aeroporto espanhol onde a TAP somou mais passageiros no primeiro quadrimestre deste ano, quando tradicionalmente era Barcelona, onde a companhia portuguesa era líder no tráfego entre os dois países ibéricos, enquanto em Madrid a nº1 era a Iberia.

Mas como diz o slogan publicitário, ‘a tradição já não é o que era’, e nos primeiros quatro meses deste ano 40,6% dos passageiros dos voos da companhia portuguesa entre Espanha e Portugal partiram ou chegaram ao Aeroporto Adolfo Suárez Madrid Barajas, representando um aumento de quatro pontos relativamente ao período homólogo de 2016, enquanto Barcelona baixou 11,4 pontos, para 33,4%.

Os dados recolhidos pelo PressTUR indicam, de facto, que dos 491,7 mil passageiros que a TAP transportou de/para Espanha nos primeiro quatro meses deste ano 199,3 mil voaram de/para Madrid e 164 mil de/para Barcelona, quando há um ano tinham sido 132 mil de/para Barcelona e 108 mil de/para Madrid.

A transformação mais forte na operação da TAP de/para Espanha, porém, diz respeito à preponderância que ganharam as rotas de/para aeroportos secundários do país vizinho, em que na maior parte dos casos a companhia portuguesa é a única a ter ligações com Portugal.

Cálculos do PressTUR evidenciaram que a TAP teve no primeiro quadrimestre um aumento de passageiros em 132,5% ou 73 mil nos aeroportos de A Coruña, Astúrias (Oviedo), Bilbau, Málaga, Sevilha, Valência e Vigo, somando um total de 128,1 mil, o que corresponde a 26,1% do total de passageiros das suas ligações de/para Espanha, +7,4 pontos, que há um ano.

Sevilha foi, desses aeroportos, o que teve o maior número de passageiros, com 29,5 mil, +111,6% ou mais 15,5 mil que há um ano, e com mais de 20 mil passageiros estiveram também as rotas de Málaga, com 27,2 mil, +183,2% ou mais 17,5 mil que há um ano, de Valência, com 26,4 mil, +61,2% ou mais dez mil, e de Bilbau, com 23 mil, +90% ou mais 10,9 mil.

Seguiram-se Vigo, que até é a rota espanhola mais recente da TAP, iniciada apenas no segundo semestre do ano passado, com 7,9 mil passageiros, e, depois, Astúrias, com 7,6 mil (+133,9% ou mais 4,3 mil que há um ano), e A Coruña, com 6,3 mil (+112% ou mais 3,3 mil).

 

Clique para mais notícias: Aeroportos de Espanha

Clique para mais notícias: Espanha

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

easyJet recebe o seu primeiro A321neo

18-07-2018 (18h31)

A companhia aérea easyJet anunciou que recebeu hoje o seu primeiro A321neo, de 235 lugares, o maior avião da sua frota.

Ryanair explica acções que está a tomar face às greves que enfrenta para a semana

18-07-2018 (18h21)

A low cost Ryanair garantiu hoje que nenhum tripulante de cabina que adira às greves convocadas para a próxima semana em Portugal, Espanha e Bélgica será punido e garantiu que as acções que está a tomar são para "minimizar a disrupção junto dos nossos clientes".

Gastos dos portugueses em turismo no estrangeiro sobem há 65 meses consecutivos

18-07-2018 (17h43)

Os gastos dos portugueses no estrangeiro contabilizados pelo Banco de Portugal como gastos turísticos completaram este Maio 65 meses consecutivos de aumentos, de acordo com dados do banco central consultados pelo PressTUR.

Ryanair cancela voos de 50 mil clientes nos dias 25 e 26 de Julho

18-07-2018 (17h05)

A Ryanair anunciou que já cancelou os voos de 50 mil clientes que iriam viajar nos dias 25 e 26 de Julho, dias para os quais enfrenta uma greve de tripulantes de cabina em Portugal, Espanha e Bélgica.

Exportações e importações de viagens de avião baixam ligeiramente em Maio

18-07-2018 (16h48)

As vendas ao estrangeiro de transporte aéreo de passageiros, bem como as compras, baixaram em Maio, respectivamente em 1,2% e em 1,5%, de acordo dados do Banco de Portugal consultados pelo PressTUR.