Lufthansa alarma mercados com revisão em forte baixa da previsão de resultados

17-06-2019 (14h46)

Imagem: Lufthansa
Imagem: Lufthansa

A Lufthansa revelou hoje uma previsão de queda acentuada do resultado operacional ajustado de não recorrentes, que conduziu a forte quebra da sua cotação na Bolsa de Frankfurt e ‘ondas de choque’ nos títulos das outras companhias de aviação europeias.

O grupo alemão indicou que a sua nova previsão de resultado operacional (EBIT, do inglês para resultados antes de juros e impostos) aponta para 2.000 a 2.400 milhões de euros este ano, que compara com 2.836 milhões em 2018 e 2.969 milhões em 2017.

A informação indica ainda que assim o grupo antecipa uma margem operacional antes de não recorrentes entre 5,5% e 6,5%, quando antes previa uma margem entre 6,5% e 8% e em 2018 registara 7,9% e em 2019 tivera 8,3%.

A informação avança que o grupo prevê que a margem operacional ajustada das suas companhia de rede (Lufthansa, Swiss e Austrian) se situe entre 7% e 9%, quando anteriormente previa 7,5% a 9,5%.

Para a subsidiária Eurowings, que inclui a Brussels e que é associada ao negócio de voos low cost a degradação é mais drástica, pois passa de uma previsão de ‘equilíbrio’, com margem zero, para prejuízos, com a margem a situar-se entre -4% e -6%.

De acordo com a imprensa internacional a divulgação destas previsões atirou as acções do grupo para terreno negativo, com a queda a chegar aos 17% antes de ajustar para os 12% por volta das 9h00 e colocou também no ‘vermelho’ as acções de concorrentes como a Ryanair, a British Airways, a Wizz Air, a Air France e a easyJet, que registavam quedas até 4,4%.

 

 

Clique para mais notícias: Lufthansa

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Etihad chega a mais dez destinos com a TAP via Lisboa e Porto

16-10-2019 (16h02)

A Etihad Airways, companhia de aviação do Abu Dhabi, anunciou que vai expandir o code-share com a TAP a mais dez rotas via Lisboa e Porto, a partir do início do fim deste mês, início do chamado Inverno IATA.

TAP anuncia nova classe EconomyXtra no médio curso

15-10-2019 (16h53)

A TAP anunciou hoje que os seus clientes passaram a ter nos voos de médio curso mais uma opção de viagem, a EconomyXtra, que proporciona “espaço extra para as pernas” e “refeições melhoradas face às actuais”, incluindo “refeições quentes nos horários de almoço/jantar, em algumas rotas, como Paris, Roma ou Frankfurt, entre outras”.

Movimento de passageiros no Aeroporto de Macau cresce 17% este Verão

15-10-2019 (14h30)

O Aeroporto Internacional de Macau contabilizou 2,51 milhões de passageiros no terceiro trimestre deste ano, que significam um aumento de 17% em relação ao Verão de 2018.

Aeroportos portugueses crescem no Verão ligeiramente menos que a média do grupo Vinci

14-10-2019 (15h31)

Os aeroportos portugueses geridos pela ANA cresceram no terceiro trimestre, que corresponde ao Verão, época mais forte da aviação no Hemisfério Norte, duas décimas abaixo do aumento médio de passageiros no conjunto dos aeroportos geridos pelo grupo Vinci, embora com Lisboa e Porto a terem crescimentos mais fortes.

TAP passa a ter voo diário para Natal em A321neo LR no primeiro trimestre do próximo ano

14-10-2019 (13h55)

A TAP tem previsto para o primeiro trimestre do próximo ano a introdução da versão de longo alcance do A321neo na rota Lisboa – Natal, com reforço da frequência de voos para diário.

Noticias mais lidas