LATAM anuncia voos São Paulo - Lisboa a partir de 2018

18-10-2017 (09h07)

“A LATAM também planeia inaugurar voos nas rotas São Paulo - Lisboa e São Paulo - Boston em meados de 2018”, diz um comunicado divulgado ontem pelo grupo sul-americano com sede no Chile e companhias no Chile e no Brasil a propósito do início das vendas da nova rota São Paulo - Roma, no qual já caracteriza a sua rede a contar com as rotas de Lisboa e Boston.

“Quando iniciar as operações para os três novos destinos (Roma, Lisboa e Boston), o Grupo LATAM Airlines terá voos próprios para 143 destinos em 26 países”, diz o comunicado em jeito de balanço, acrescentando que “desde o início de 2016, a companhia já anunciou 25 novas rotas internacionais, incluindo São Paulo - Joanesburgo, Lima - Barcelona, Santiago - Melbourne e Lima - San José (Costa Rica)”.

Na Europa, o grupo tem apostado principalmente em Espanha quanto a ligações de/para a Europa, contando actualmente com voos da LATAM Brasil diários entre São Paulo e os dois maiores aeroportos espanhóis, Madrid e Barcelona.

Dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos pelo PressTUR mostram que nos primeiros nove meses deste ano teve um aumento de passageiros nas suas ligações com Espanha em 13,2%, somando 279 mil, com 170,5 na rota de Madrid, onde tem concorrência da Iberia e da Air Europa, e 108,5 mil em Barcelona, onde está sozinha no mercado.

Aqui a LATAM Brasil (antiga TAM) tem um aumento de passageiros nos seus voos de/para São Paulo em 44,7%, mas em Madrid tem um decréscimo em 0,6%.

A LATAM Brasil já foi parceira da TAP na Star Alliance, mas com a sua integração na LAN Chile, dando origem ao grupo LATAM, a companhia acabou por mudar de aliança para a oneworld e actualmente inclusivamente o grupo tem participação da Qatar, tal como o IAG que integra a British Airways e a Iberia.

O início da rota São Paulo - Roma e a promessa de voar em 2018 também para Lisboa e para Boston é a resposta do grupo à tendência de crescimento da procura de voos internacionais no mercado brasileiro, enquanto o doméstico está em estagnação.

Isso mesmo transparece da declaração do novo presidente da LATAM Airlines Brasil, Jerome Cadier, citado no comunicado na qual diz que a expansão internacional da companhia “é também um claro indicador de que a reacção da demanda no Brasil tem se concentrado no mercado de viagens internacionais”.

“Esta expansão estratégica é possível porque seguimos atentos a todas as oportunidades de rotas sustentáveis, principalmente no nosso hub de Guarulhos, que conecta um continente ao restante do mundo”, diz ainda Jerome Cadier.

A rota São Paulo - Roma começa a 16 de Março de 2018 com três voos por semana, enquanto para as rotas de Lisboa e Boston a companhia diz que “essas novas operações ainda estão sujeitas às aprovações das autoridades e o seu lançamento comercial será comunicado oportunamente pela companhia”.

Os voos de São Paulo para Roma será às quartas, sextas e Domingos, e de Roma são às segundas, quintas e Sábados.

A LATAM anunciou que a sua programação já tem previsto que “a partir de Julho de 2018, a rota [de Roma] passará a ser operada cinco vezes por semana”.

A companhia indica também que fará essas ligações em Boeing B767 de 191 lugares em economia e 30 em Premium Business e que estima que o São Paulo - Roma leve 12 horas e no sentido Roma - São Paulo leve 12 horas e 35 minutos.

 


Clique para mais notícias: LATAM

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Sindicatos de pilotos da Ryanair pedem mudança da gestão da companhia

19-09-2018 (18h19)

Os pilotos da Ryanair perderam “toda a confiança na actual liderança e gestão” da companhia, afirma uma declaração dos seus sindicatos, na qual apelam para os accionistas substituírem a liderança da empresa na assembleia geral anual que se vai realizar na quinta-feira, porque consideram que o actual modelo de emprego e gestão fracassou.

Comissárias europeias questionam Ryanair sobre diferendo com tripulantes de cabina

19-09-2018 (16h54)

“O nosso mercado interno é organizado, não é uma selva”, realçou hoje a comissária europeia responsável pelo Emprego, Assuntos Sociais e Mobilidade Laboral, Marianne Thyssen, ao comentar a posição da Ryanair no diferendo com as tripulações de cabina, depois de realçar que “implementar uma lei em vigor não é matéria negocial”, há simplesmente que cumprir a lei.

Governo da Madeira vai adiantar subsídio à compra de voos de/para o continente por estudantes da região

19-09-2018 (16h24)

O Governo Regional da Madeira anunciou hoje que os estudantes universitários da região poderão comprar de facto voos de/para o continente pelos 65 euros previstos no subsídio de mobilidade, porque pagará o remanescente até um tecto de 400 euros.

easyJet atinge novo recorde de passageiros transportados num dia

19-09-2018 (08h58)

A low cost easyJet, terceira maior companhia de aviação em Portugal, anunciou que atingiu um novo recorde de passageiros transportados num só dia, com 330 mil em 1.941 voos a 14 de Setembro.

Travagem de Lisboa ‘arrasta’ aeroportos portugueses para crescimento ‘insípido’

18-09-2018 (17h30)

O crescimento de passageiros nos aeroportos portugueses, que era sistematicamente dos mais fortes na Europa, foi inferior em Julho à média europeia, de acordo com os dados publicados pelo Airports Council International (ACI) Europa, que mostram uma forte correlação com o abrandamento do Aeroporto de Lisboa.