LATAM anuncia voos São Paulo - Lisboa a partir de 2018

18-10-2017 (09h07)

“A LATAM também planeia inaugurar voos nas rotas São Paulo - Lisboa e São Paulo - Boston em meados de 2018”, diz um comunicado divulgado ontem pelo grupo sul-americano com sede no Chile e companhias no Chile e no Brasil a propósito do início das vendas da nova rota São Paulo - Roma, no qual já caracteriza a sua rede a contar com as rotas de Lisboa e Boston.

“Quando iniciar as operações para os três novos destinos (Roma, Lisboa e Boston), o Grupo LATAM Airlines terá voos próprios para 143 destinos em 26 países”, diz o comunicado em jeito de balanço, acrescentando que “desde o início de 2016, a companhia já anunciou 25 novas rotas internacionais, incluindo São Paulo - Joanesburgo, Lima - Barcelona, Santiago - Melbourne e Lima - San José (Costa Rica)”.

Na Europa, o grupo tem apostado principalmente em Espanha quanto a ligações de/para a Europa, contando actualmente com voos da LATAM Brasil diários entre São Paulo e os dois maiores aeroportos espanhóis, Madrid e Barcelona.

Dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, recolhidos pelo PressTUR mostram que nos primeiros nove meses deste ano teve um aumento de passageiros nas suas ligações com Espanha em 13,2%, somando 279 mil, com 170,5 na rota de Madrid, onde tem concorrência da Iberia e da Air Europa, e 108,5 mil em Barcelona, onde está sozinha no mercado.

Aqui a LATAM Brasil (antiga TAM) tem um aumento de passageiros nos seus voos de/para São Paulo em 44,7%, mas em Madrid tem um decréscimo em 0,6%.

A LATAM Brasil já foi parceira da TAP na Star Alliance, mas com a sua integração na LAN Chile, dando origem ao grupo LATAM, a companhia acabou por mudar de aliança para a oneworld e actualmente inclusivamente o grupo tem participação da Qatar, tal como o IAG que integra a British Airways e a Iberia.

O início da rota São Paulo - Roma e a promessa de voar em 2018 também para Lisboa e para Boston é a resposta do grupo à tendência de crescimento da procura de voos internacionais no mercado brasileiro, enquanto o doméstico está em estagnação.

Isso mesmo transparece da declaração do novo presidente da LATAM Airlines Brasil, Jerome Cadier, citado no comunicado na qual diz que a expansão internacional da companhia “é também um claro indicador de que a reacção da demanda no Brasil tem se concentrado no mercado de viagens internacionais”.

“Esta expansão estratégica é possível porque seguimos atentos a todas as oportunidades de rotas sustentáveis, principalmente no nosso hub de Guarulhos, que conecta um continente ao restante do mundo”, diz ainda Jerome Cadier.

A rota São Paulo - Roma começa a 16 de Março de 2018 com três voos por semana, enquanto para as rotas de Lisboa e Boston a companhia diz que “essas novas operações ainda estão sujeitas às aprovações das autoridades e o seu lançamento comercial será comunicado oportunamente pela companhia”.

Os voos de São Paulo para Roma será às quartas, sextas e Domingos, e de Roma são às segundas, quintas e Sábados.

A LATAM anunciou que a sua programação já tem previsto que “a partir de Julho de 2018, a rota [de Roma] passará a ser operada cinco vezes por semana”.

A companhia indica também que fará essas ligações em Boeing B767 de 191 lugares em economia e 30 em Premium Business e que estima que o São Paulo - Roma leve 12 horas e no sentido Roma - São Paulo leve 12 horas e 35 minutos.

 


Clique para mais notícias: LATAM

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Governo açoriano reforça capital social da SATA Air Açores em 27 milhões de euros

16-07-2018 (16h31)

O Governo dos Açores anunciou hoje um reforço em 27 milhões de euros do capital social da SATA Air Açores, companhia aérea que assegura as ligações aéreas entre as nove ilhas açorianas, "por via da subscrição de 5.400.000 novas ações".

Lufthansa “refuta falsas alegações da Ryanair” sobre a LaudaMotion

16-07-2018 (15h28)

O Grupo Lufthansa afirmou que “são completamente infundadas” as alegações da Ryanair de que a LaudaMotion está sobre ameaça do grupo alemão, “que tenta retirar as nove aeronaves que se viu forçada a ceder à Laudamotion pela Comissão Europeia para lhe permitir reiniciar os seus serviços”.

Grupo SATA encerra contas de 2017 com prejuízos de 41 milhões de euros

16-07-2018 (13h32)

O Grupo SATA encerrou as contas de 2017 com prejuízos de 41 milhões de euros, valor que quase triplicou em relação a 2016 (14 milhões), revela o relatório e contas da companhia, a que a Lusa teve acesso.

António Teixeira é o novo presidente do conselho de administração da SATA

16-07-2018 (11h28)

O Governo dos Açores anunciou a escolha do gestor de empresas António Luís Gusmão Teixeira para a presidência do conselho de administração da SATA, substituindo Paulo Menezes, que ocupa o cargo desde o final de 2015.

TACV Cabo Verde Airlines prevê receber hoje mais um avião

16-07-2018 (11h19)

A companhia aérea TACV Cabo Verde Airlines, que no Sábado recebeu o seu primeiro avião Boeing 757, tem previsto receber hoje, segunda-feira, mais uma aeronave e assim “retomar a estabilidade operacional”.