Fastjet suspende voos em Moçambique a partir de Sábado

21-10-2019 (16h13)

Website Fastjet
Website Fastjet

A companhia aérea Fastjet vai suspender os voos em Moçambique a partir de Sábado, dia 26, alegando excesso de oferta e prejuízos acumulados, como indica em comunicado.

“Após prejuízos contínuos, que ascenderam a 2,4 milhões de dólares no primeiro semestre deste ano, e face ao excesso de oferta”, a Fastjet decidiu “suspender todas as operações de voo em Moçambique”, diz o comunicado.

A companhia alega que a competição no país “começou a intensificar-se no final de 2018 com a entrada no mercado da Ethiopian Airlines como transportadora doméstica”, além da companhia estatal, a Linhas Aéreas de Moçambique (LAM).

“É a decisão acertada neste momento”, sustenta Mark Hurst, director-executivo interino da Fastjet, citado no comunicado, no qual a companhia garante aos passageiros com voos comprados e que já não se realizarão serão “totalmente reembolsados”.

A companhia, que realça que esta decisão em nada afecta as suas operações no Zimbabwe, diz ainda que espera poder voltar a voar em Moçambique “quando a procura por viagens aéreas aumentar o suficiente, em comparação com a capacidade fornecida”.

A Fastjet iniciou a atividade em Moçambique há dois anos e além das suas aeronaves realizava também voos em code-share com a LAM, voos que ficam igualmente suspensos.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Fastjet

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: África

 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP baptiza novo A321 LR com nome de Jorge de Sena

13-11-2019 (13h08)

A TAP baptizou um dos seus novos aviões A321 Long Range com o nome Jorge de Sena, em homenagem ao “poeta português que se naturalizou brasileiro e estreitou as relações culturais e literárias entre Portugal e o Brasil”.

Azul recebe primeiro A321neo do Brasil

13-11-2019 (07h53)

A companhia de aviação brasileira Azul recebeu o primeiro A321neo do Brasil, um modelo da Airbus de que tem encomendadas 13 aeronaves.

Nove países da UE querem aumentar impostos sobre as companhias aéreas

12-11-2019 (15h06)

Nove países da União Europeia juntaram-se para exigir uma aviação mais limpa na Europa, um dos meios de transporte mais poluentes que consideram que está a ser taxado abaixo do que devia.

Câmara de Lisboa vai promover estudo sobre os impactos do aeroporto da capital

12-11-2019 (15h01)

A Câmara de Lisboa aprovou na semana passada em reunião privada a realização de um estudo sobre os diversos impactos da exploração do aeroporto da capital, nomeadamente ao nível da poluição, ruído e tráfego.

Boeing espera retomar voos do 737 Max no início do próximo ano

12-11-2019 (14h54)

A Boeing anunciou que prevê que os voos comerciais com aviões 737 Max, retirados de circulação desde meados de Março após dois acidentes que fizeram 346 mortos, recomecem no início do próximo ano e não em Dezembro.

Noticias mais lidas