Estudantes madeirenses retidos em Lisboa “estão por sua conta”

10-04-2018 (20h10)

“Estão por sua conta” foi como Ruben Alencastre, da agência de viagens XTravel, organizadora do Festival Village em Espanha, descreveu a situação de estudantes madeirenses retidos em Lisboa que deveriam ter regressado no Domingo e agora só têm voo da easyJet na próxima terça-feira.

A Agência Lusa noticiou que se trata de estudantes da Escola Secundária Francisco Franco, no Funchal, que participaram na viagem de finalistas da escola a Punta Umbría, Espanha, e que deviam ter regressado no Domingo, mas só tem regresso marcado para a próxima terça-feira.

Estes estudantes, que viajaram na easyJet, “estão por sua conta”, disse à Lusa Ruben Alencastre, da XTravel, agência que, de forma voluntária, decidiu apoiar os estudantes da Madeira, mantendo contactos e procurando assegurar condições para os finalistas, também junto da TAP, que transportou um grupo de 43 alunos.

“Os estudantes que formalmente vieram em grupo conseguiram voo. Os que vieram a título individual estão a ter mais dificuldades”, explicou, salientando ser “grave” o caso destes dez estudantes que viajaram pela easyJet e que só têm viagem na próxima terça-feira.

“Eles precisam de apoio”, sublinha.

Esta tarde viajou para a Madeira um grupo de 43 estudantes, apoiados pela XTravel, que se encontrava em Oeiras, “em condições péssimas de alojamento, com cinco a seis pessoas num quarto e sem refeições”, adiantou Ruben Alencastre ao abordar a falta de apoio da TAP.

“Fiz tudo o possível ao meu alcance para ajudar estes jovens desesperados que não conseguiam contactar a TAP, mas apenas o call center que não os atendia”, prosseguiu, salientando que aqueles jovens só tinham viagem quarta-feira, via Porto, onde pernoitariam.

Os estudantes retidos em Lisboa por falta de transporte para a Madeira, quer da TAP quer da easyJet, por “razões operacionais” ou devido às condições atmosféricas, já estão, dois dias depois da data inicialmente prevista [Domingo], quase todos na região, disseram à Lusa representantes das comissões organizadoras das viagens de finalistas das escolas Francisco Franco e Jaime Moniz, com excepção de alguns que viajaram individualmente mais cedo e que se juntaram, depois, ao grupo no dia de partida para Espanha.

Francisco Silva, presidente da Comissão de Finalistas da Escola Francisco Franco, disse à Lusa que “a maioria do pessoal já veio” e que a TAP lhes deu alojamento e refeição num hotel nas proximidades do aeroporto.

Sara Quintas, presidente da Comissão de Finalistas da Escola Secundária Jaime Moniz, realçou o apoio que a XTravel deu aos estudantes e criticou a falta de apoio da easyJet.

“Eu optei, depois de ser reembolsada, por tomar o comboio até ao Porto porque o meu pai conseguiu arranjar viagem a partir de lá e, assim, chegar hoje senão só tinha voo no Domingo”, contou.

“Acabamos de chegar todos”, disse, por seu lado, Fabrício Corte, presidente da Comissão de Finalistas da Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares.

“Tivemos um grande apoio do Ruben Alencastre, da XTravel, que desde já agradecemos muito, pois, apesar de não ser da sua responsabilidade, empenhou-se em ajudar os estudantes porque, se não fosse ele, a TAP ia-nos deixar sem alimentação e sem estadia”, acrescentou.

Érica Abreu, que chegou na segunda-feira, comentou, por seu lado, que os estudantes pareciam “refugiados”, estendidos no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa.

 

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Pilotos da KLM ameaçam com greve por reivindicações salariais

14-08-2018 (18h28)

Os pilotos da companhia de aviação holandesa KLM, que faz parte do mesmo grupo que a francesa Air France e a low cost Transavia, ameaçaram hoje fazer greve caso não tenham resposta até sexta-feira para as suas reivindicações salariais, segundo o jornal holandês “De Telegraaf”.

Governo dos Açores considera “prematuro” falar da proposta de compra da Azores Airlines

14-08-2018 (18h21)

A secretária regional dos Transportes e Obras Públicas dos Açores afirmou ontem ser “absolutamente prematuro” pronunciar-se sobre o processo de alienação de 49% do capital da Azores Airlines, uma vez que a proposta apresentada se encontra em análise.

SATA tem nova Administração a partir de segunda-feira

10-08-2018 (16h10)

A nova Administração da companhia de aviação açoriana SATA, presidida por António Luís Gusmão Teixeira, toma posse na segunda-feira, informou hoje o Governo Regional dos Açores.

Ryanair prevê transportar 400 mil passageiros hoje apesar da greve de pilotos na Europa

10-08-2018 (12h07)

A low cost Ryanair, segunda maior companhia de aviação em Portugal, garantiu que vai transportar hoje mais de 400 mil passageiros em mais de dois mil voos, apesar de enfrentar uma greve dos pilotos na Irlanda, Suécia, Alemanha e Bélgica.