easyJet apoia expansão de Heathrow e candidata-se a operar se houver estrutura tarifária adequada

25-10-2016 (15h12)

Foto: easyJet
Foto: easyJet

A easyJet apoia a decisão do governo britânico de expandir Heathrow, em Londres, anunciou em comunicado, salientando que pretende operar no aeroporto se houver “estrutura tarifária certa” e “infraestrutura certa para o nosso modelo”.

“A expansão de Heathrow vai beneficiar todas as partes do Reino Unido e todos os passageiros – negócios e lazer, médio e longo curso – e também vai trazer tarifas mais baixas para os passageiros de médio curso ao abrir o aeroporto a um aumento de competitividade”, sublinha o comunicado da low cost.

Carolyn McCall, CEO da easyJet, citada nessa nota, sublinha que a expansão é uma “boa notícia para os consumidores e para os negócios do Reino Unido e vai ajudar a garantir que o Reino Unido está melhor conectado com o resto do mundo”.

“Com a estrutura tarifária certa e a infraestrutura certa para o nosso modelo eficiente, a easyJet pretende operar a partir de Heathrow, além das nossas bases existentes em Londres, oferecendo novas rotas e tarifas mais baixas para os clientes”, concluiu Carolyn McCall.

 

Ver também:

Governo britânico aprova construção de terceira pista em Heathrow

 

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair lança-se na venda de bilhetes para eventos desportivos

14-12-2018 (17h12)

A Ryanair anunciou que começou a comercializar bilhetes para eventos desportivos, designadamente para jogos de futebol das primeiras divisões espanhola e francesa.

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Operador dinamarquês vai ter charters para Portugal com a Jet Time, após falência da Primera Air

14-12-2018 (15h49)

O operador turístico dinamarquês Bravo Tours contratou a companhia aérea Jet Time para fazer as suas operações charter no próximo Verão, incluindo voos para Portugal, que estavam previstas ser realizadas pela Primera Air, que declarou falência em Outubro.

TAP prevê poupar 30 milhões de euros na factura de combustível em 2019

14-12-2018 (12h56)

A TAP prevê conseguir em 2019 uma poupança de 30 milhões de euros nos custos de combustível, graças à renovação da frota com aviões mais eficientes, de acordo com o Chief Financial Officer (CFO) da companhia, Raffael Quintas.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

Ultimas Noticias