Capital Airlines prevê “pelo menos” 80 mil passageiros no primeiro ano dos novos voos para Lisboa

13-08-2019 (20h01)

Imagem: Beijing Capital Airlines
Imagem: Beijing Capital Airlines

A Beijing Capital Airlines, que começa no dia 30 de Agosto a voar Pequim – Xi’an – Lisboa, espera transportar no primeiro ano pelo menos 80 mil passageiros, disse ao PressTUR representante da companhia aérea.

No primeiro ano em que operou em Portugal, de Julho de 2017 a Julho de 2018, na rota Hangzhou – Pequim – Lisboa, que acabaria por suspender em Outubro de 2018 por razões operacionais, a Beijing Capital Airlines transportou mais de 80 mil passageiros, com uma taxa de ocupação de cerca de 80% na época baixa e acima de 95% na época alta.

Ao retomar este ano as ligações, com três voos por semana entre Lisboa e Pequim, com paragem em Xi’an, a companhia tem como previsão “transportar pelo menos o mesmo número de passageiros tendo sempre uma perspectiva positiva de alcançar ainda mais passageiros”, disse a representante do Marketing e Comunicação da companhia em resposta enviada por e-mail ao PressTUR.

Relativamente à ocupação, a companhia tem a perspectiva de “que esta taxa média de ocupação [de 80% em época baixa e acima de 95% em época alta] se mantenha, tendo sempre uma perspectiva positiva de poder aumentar”.

A companhia sublinha ainda que “a nova rota aumentará as trocas económicas e comerciais e proporcionará mais conveniência e apoio para que a China e Portugal alcancem uma forte cooperação com benefícios mútuos”.

Nesse sentido, conclui, “pretendemos manter o voo no próximo Inverno com o mesmo número de frequências”.

Ver também:

Novos voos Portugal – China abrem caminho a empresários e turistas

Beijing Capital Airlines promove atractivos de Shaanxi e Xian em Lisboa

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Beijing Capital Airlines

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

IAG declara quebra de lucros em 2019 em 39,6%

28-02-2020 (18h40)

O IAG, grupo a que pertencem British Airways, Aer Lingus, Iberia, Vueling e Level, declarou um lucro de 1.715 milhões de euros para o ano de 2019, que é 39,6% ou 1.123 milhões menor que o declarado para o ano de 2018.

easyJet diz que voos Portugal-Itália não serão afectados por enquanto

28-02-2020 (18h39)

A easyJet disse à Lusa que por enquanto os seus voos entre Portugal e Itália não estão afectados e que está a acompanhar o evoluir da situação no Norte de Itália, onde o Covid-19 já matou 14 pessoas e infectou pelo menos 400.

CVA oferece reembolso ou alteração de reserva a passageiros com voos de/para Itália

28-02-2020 (18h31)

A Cabo Verde Airlines (CVA) anunciou que está a oferecer aos passageiros com reservas para voos entre Cabo Verde e Itália o reembolso total ou a remarcação dos seus bilhetes sem penalizações.

Cabo Verde interdita voos de Itália para conter surto do novo coronavírus

27-02-2020 (18h10)

O Governo de Cabo Verde interditou hoje, durante um período de três semanas, todos os voos com origem em Itália para aeroportos cabo-verdianos, devido ao alastrar do surto do novo coronavírus naquele país europeu.

Aeroporto de Lisboa atenua queda do tráfego aéreo de/para Portugal este Janeiro

27-02-2020 (15h32)

Os aeroportos portugueses começaram este ano com um ligeiro decréscimo do número de voos, mas não por culpa de Lisboa estar esgotado, pelo contrário, até foi o aeroporto da capital que atenuou a quebra de 3,3% para 0,2%, por ter registado o maior aumento do mês.

Noticias mais lidas