Azul reduz operação em 90% até 30 de Abril

25-03-2020 (11h16)

Foto: ANA Aeroportos
Foto: ANA Aeroportos

A companhia de aviação Azul, fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP, anunciou uma redução da sua operação que atinge 90% até 30 de Abril.

“De 25 de Março a 30 de Abril de 2020, esperamos operar 70 voos directos por dia, para 25 cidades, o que representa uma redução de 90% da capacidade total em relação ao planeado”, sublinha a companhia aérea num comunicado.

A redução da oferta resultada das “medidas de contenção e quarentena” implementadas e que estão a limitar “significativamente a mobilidade de nossos clientes, tripulantes e parceiros, o que torna inviável a operação de várias rotas”.

A companhia anunciou que também está a reduzir “os custos e despesas com folha de pagamento em aproximadamente 65% em Abril”.

O número de tripulantes que aderiram ao programa de licença sem vencimento já supera 7.500 solicitações, o que corresponde a mais de metade do total da força de trabalho da empresa. Acresce que os salários dos membros do comité executivo foram reduzidos em 50%, enquanto os gerentes tiveram uma redução de 25%.

A companhia também está a reforçar a gestão activa de todas as despesas de capital de giro, eliminar todos os gastos de capital não críticos, negociação de novas condições de pagamento com seus parceiros e avaliação de uma nova linha de crédito com instituições financeiras.

Citado no comunicado, o CEO da companhia, John Rodgerson, afirma que a empresa está a adoptar “medidas imediatas para reduzir nossos custos, e preservar nossa posição de caixa”.

“Entramos nesta crise como uma das companhias aéreas mais rentáveis da região, e estou confiante de que sairemos mais fortes”, acrescentou o executivo.

 

Clique para ver mais: Azul

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ethiopian Airlines perdeu receitas na ordem dos 504 milhões de euros

08-04-2020 (18h03)

A Ethiopian Airlines, a maior transportadora aérea de África e propriedade do estado etíope, encerrou a maior parte as suas linhas comerciais desde o início da pandemia do novo coronavírus, e perdeu 504 milhões de euros em receitas.

Estão programados mais três voos charter entre Angola e Portugal

08-04-2020 (17h05)

Há dois voos entre Lisboa e Luanda programados para os dias 13 e 14 de Abril, e um entre Porto e Luanda, no dia 16, com o intuito de trazer cidadãos de regresso a Portugal, devido à pandemia do novo coronavírus.

TAP lança voos para novos destinos em plena pandemia de coronavírus

08-04-2020 (15h51)

Não haverá muitas companhias a lançar novos voos nos tempos de pandemia de coronavírus que o mundo vive, e menos ainda a pô-los à venda desde já, mas é o que a TAP está a fazer e no seu site já tem à venda as linhas Lisboa - Cancun e Ponta Delgada - Toronto.

Airbus suspende produção e montagem de aviões na Alemanha e nos Estados Unidos

08-04-2020 (14h52)

A construtora aeronáutica Airbus suspendeu actividades de produção e montagem de aviões comerciais nas suas fábricas em Bremen e Stade, na Alemanha, e em Mobile, nos Estados Unidos.

United Airlines oferece período de dois anos para alterarção de reservas

08-04-2020 (12h12)

A United Airlines está a oferecer aos seus clientes com viagens marcadas até final de 2020 a possibilidade de alterarem a sua reserva para datas num período alargado de dois anos.

Noticias mais lidas