António Teixeira é o novo presidente do conselho de administração da SATA

16-07-2018 (11h28)

Foto: SATA Azores Airlines
Foto: SATA Azores Airlines

O Governo dos Açores anunciou a escolha do gestor de empresas António Luís Gusmão Teixeira para a presidência do conselho de administração da SATA, substituindo Paulo Menezes, que ocupa o cargo desde o final de 2015.

Num comunicado, o executivo açoriano afirma que, "com esta alteração no cargo de presidente do grupo SATA, será também efectuada uma recomposição total do respetivo Conselho de Administração da transportadora aérea açoriana".

“Nos termos legais, o processo de nomeação de António Luís Gusmão Teixeira inclui a sua audição em sede de comissão parlamentar da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores”, explica ainda a mesma nota.

O Grupo SATA está em processo de alienação de 49% do capital social da Azores Airlines, tendo anunciado a 17 de Abril que a Loftleidir Icelandic foi pré-qualificada para a segunda fase do processo de negociação.

A transportadora islandesa, contudo, tem vindo a pedir adiamentos de prazo para apresentação de uma proposta vinculativa de aquisição (clique para ler: Islandeses voltam a pedir prorrogação do prazo para apresentar proposta de compra da Azores Airlines).

A SATA Internacional, que é a companhia que faz os voos internacionais do grupo açoriano, teve um prejuízo de 14,5 milhões de euros nos primeiros três meses do ano, que são um período de baixa da aviação no Hemisfério Norte, indicam documentos oficiais, citados pela Agência Lusa (clique para ler: SATA Internacional perde 14,5 milhões de euros no 1º trimestre).

De acordo com a OAG, empresa de informação estatística e consultoria para a aviação, a SATA Internacional apresentou em Junho o 6º pior índice de pontualidade entre 161 companhias (clique para ler: TAP teve em Junho 4º pior índice de pontualidade da OAG).

O novo presidente do conselho de administração, António Teixeira, é licenciado em Organização e Gestão de Empresas pela Universidade dos Açores, e tem o curso especializado em Gestão por Projecto, ministrado pelo Centro de Estudos de Gestão (CEGE) do Instituto Superior de Economia e Gestão.

No comunicado sobre a nomeação de António Teixeira, o executivo sublinha ainda que o novo presidente do conselho de administração do grupo SATA tem “larga experiência na área da gestão privada e da formação de recursos humanos” e “esteve envolvido em diversos estudos económicos, entre os quais o “Impacto dos Transportes na Economia Regional – Os Transportes Aéreos, Marítimos e Terrestres na Região Autónoma dos Açores”, coordenado pela Norma-Açores”.

Foi ainda membro da equipa liderada pela EDA (eléctrica açoriana) e SOMAGUE, no processo de privatização da ELECTRA, S.A., empresa de produção, transporte, distribuição e comercialização de energia e água em Cabo Verde.

António Teixeira iniciou a sua carreira profissional como monitor do Departamento de Economia e Gestão da Universidade dos Açores.

Foi formador em diversas escolas profissionais da região e desempenhou também funções de membro da Comissão Executiva e vogal do INOVA – Instituto de Inovação Tecnológica dos Açores. segundo a nota do executivo açoriano, indicando ainda que António Teixeira foi diretor empresarial da Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada e de administrador da EDA, onde assumiu diversos cargos de administração e de gerência em empresas participadas, nomeadamente na GLOBALEDA, na SOGEO, na GEOTERCEIRA, na SEGMA e na EEG.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: SATA

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

EasyJet transporta mais 8% de passageiros de/para Portugal no semestre terminado a 31 de março

19-05-2019 (22h08)

A low cost easyJet, cujo director para Portugal, José Lopes, se queixou na sexta-feira que devido aos constrangimentos do Aeroporto de Lisboa há dois verões consecutivos (2018 e 2019) que a companhia tem “crescimento zero” no Aeroporto Humberto Delgado afinal aumentou a capacidade em 6% na época baixa.

Organismo de investigação de acidentes alerta para riscos de descolagens de Lisboa com potência reduzida

19-05-2019 (21h46)

O organismo que investiga acidentes alerta as companhias aéreas e as entidades aeronáuticas para os riscos das descolagens com potência reduzida na principal pista do Aeroporto de Lisboa, podendo ter “graves consequências” em caso de avaria de motor, apreciação que a ANA já contestou, garantindo que o aeroporto tem certificação de segurança outorgada.


ANA rejeita “declarações alarmistas” do GPIAAF sobre o Aeroporto de Lisboa

19-05-2019 (21h42)

A ANA – Aeroportos de Portugal realçou que o Aeroporto de Lisboa tem certificação de segurança outorgada, ao rejeitar as considerações do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e Acidentes Ferroviários (GPIAAF) acerca de um incidente com um avião da easyJet.

easyJet ‘fixa’ prazo para evitar 3º Verão seguido de “crescimento zero” no Aeroporto de Lisboa

17-05-2019 (16h19)

A companhia de aviação easyJet defendeu hoje a urgência de fechar um acordo até Setembro com os militares que permita aumentar a capacidade do Aeroporto de Lisboa já no Verão de 2020, pois, avisou, de contrário “vamos estar a perder oportunidades que já não vão voltar, e isto será muito mau para a economia portuguesa”.

Prejuízo operacional de época baixa da easyJet agrava-se 350%

17-05-2019 (15h39)

A low cost easyJet, que em Portugal tem voos de/para Lisboa, Porto, Faro e Funchal, declarou hoje um prejuízo operacional para o semestre terminado a 31 de Março de 255 milhões de libras (292 milhões de euros ao câmbio de hoje), pior 355% que no período homólogo do exercício anterior, enfatizando, no entanto, que foi sem surpresa que registou essa perda.