Agentes de viagens serão “essenciais” para êxito da nova económica premium da Iberia – Marco Sansavini

21-04-2017 (16h37)

“É só económica com mais espaço? Vale a pena pagar mais?” – Marco Sansavini, director Comercial da Iberia, reconhece assim em entrevista ao PressTUR que ainda há muito para explicar o que é a nova classe económica premium da companhia, e sublinha que os agentes de viagens serão “essenciais” nessa missão.

A nova classe económica premium da Iberia está a ser preparada há vários anos, estando integrada num plano de renovação da companhia aérea que começou pela remodelação das classes económica e executiva.

“Era necessário ter o melhor possível em económica e em executiva e foi isso que fizemos há três anos”, começou por dizer Marco Sansavini, que falava ao PressTUR na apresentação do primeiro avião da Iberia com classe económica premium (clique para ler: Iberia apresenta primeiro avião com nova classe económica premium).

Um ano e meio depois, a Iberia analisou a resposta dos passageiros a essa renovação e concluiu que “os clientes que viajavam em económica começaram a revelar interesse numa nova oferta entre as duas classes, entre a económica e a executiva”.

O que aconteceu, segundo Marco Sansavini, foi que “a classe executiva adquiriu um padrão muito elevado, incomparável em relação à classe executiva de há cinco anos” e, assim, “criou-se um espaço entre as duas classes que percebemos que tinha procura”.

Com essa análise, e recorrendo também aos estudos da British Airways, companhia aérea do mesmo grupo da Iberia, o IAG, que oferece uma classe económica premium nos seus voos, “descobrimos segmentos específicos” com interesse nessa nova oferta, designadamente “famílias que viajam com crianças e querem um pouco mais de conforto, pessoas com mais de 65 anos que têm um pouco mais de poder de compra e querem mais conforto, casais em viagens especiais e pequenas e médias empresas que não podem viajar em executiva”.

O sucesso da nova oferta dependerá desses clientes estarem dispostos a pagar o preço da classe económica premium, que “é, em média, 20% a 30% mais alto que o preço da classe económica”.

É aqui que entram as agências de viagens, na explicação das vantagens da económica premium, assumindo um papel “muito importante”, segundo classificou o director Comercial da Iberia.

Esse papel é particularmente importante porque “entre Espanha e qualquer destino de longo curso não há nenhuma companhia aérea que ofereça classe económica premium”.

Assim, prosseguiu o executivo, “para muitos mercados, e especialmente na América Latina, onde a presença de uma económica premium é mais limitada, havendo poucas transportadoras com essa oferta para outros destinos europeus e nenhuma com essa oferta para Espanha, precisamos de muita explicação aos clientes”.

“O que é isso? É económica só com mais espaço? Vale a pena pagar mais? — Há muita explicação e informação que é preciso dar aos consumidores e eu acho que as agências de viagens serão essenciais”, enfatizou Sansavini.

Essa é também a razão pela qual foram convidadas para a apresentação do primeiro avião da Iberia com económica premium “as grandes agências de viagens de Espanha, França, Itália, Portugal, Reino Unido”, acrescentou.

As principais vantagens da económica premium face à económica, segundo explicou Sansavini, são mais espaço entre filas e no próprio assento, mais reclinação, monitores individuais maiores, refeições melhoradas, check-in e embarque preferenciais e duas bagagens de porão incluídas na tarifa.

Com as vendas da económica premium disponíveis desde Janeiro, Marco Sansavini revela-se “satisfeito com a resposta do mercado” e “confiante de que vai ser um sucesso”, sem contudo revelar números.

Em Portugal, que considera “um dos mais importantes mercados europeus para a Iberia”, o executivo acredita que a económica premium “também terá boa penetração no mercado”, porque identifica nele os mesmos segmentos que considera serem ‘alvo’ da nova oferta, desde as pequenas e médias empresas às famílias que procuram mais conforto nas suas viagens de férias.

Este Verão a Iberia terá cinco aviões A340-600 equipados com económica premium, disponíveis a partir de Maio nos voos de Chicago, Nova Iorque e Bogotá e a partir de Junho nos voos do México, seguindo-se Miami a partir de Julho e Boston a partir de Agosto.

Além dos aviões Airbus A340-600, que estão a ser transformados nas instalações de manutenção da Iberia em Madrid, também os A330-300 terão classe económica premium, assim como os A350 que a companhia aérea tem encomendados, que terão essa cabina na sua configuração original.

Até ao Verão de 2018 a Iberia prevê ter a classe económica premium disponível em todos os seus destinos de longo curso.

Para viajar na económica premium, a Iberia está a anunciar preços desde 890 euros, ida e volta, para Chicago, desde 903 euros para Nova Iorque e a partir de 948 euros para Bogotá.

 

Clique para mais notícias: Iberia

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air France KLM anuncia mais capacidade para o Brasil a partir de finais de Outubro e promete ‘estudar mais’

21-04-2017 (16h23)

O grupo Air France KLM, um dos maiores do mundo, anunciou hoje que aumenta a capacidade para o Brasil no próximo Inverno IATA, que começa em finais de Outubro, a que acrescenta a mensagem de que “está a estudar diferentes opções para prosseguir o seu crescimento no Brasil”.

Portugal é origem/destino que mais cresce em Março no Aeroporto de Toulouse

21-04-2017 (16h18)

O Aeroporto de Toulouse teve em Março um aumento de passageiros em voos de/para Portugal em 132,1%, que faz de Portugal a origem/destino com o crescimento mais forte no mês, à frente da Bélgica, com +109,6%, Espanha com 76%, Itália com +47,6% e Alemanha, com +22,4%, entre os destinos Schengen.

Iberia apresenta primeiro avião com nova classe económica premium

20-04-2017 (17h16)

A Iberia apresentou esta manhã em Madrid a um grupo de cerca de 80 convidados, incluindo uma delegação portuguesa em representação das empresas Abreu, Netjets e Travelstore, o seu primeiro avião com a nova classe económica premium.

Exportações de transporte aéreo de passageiros ‘disparam’ 33,6% e ultrapassam 500 milhões em dois meses

20-04-2017 (16h28)

As exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros, que estavam em queda desde 2014, com a recuperação da TAP evidenciada pelo aumento de passageiros também inverteram a tendência e pela primeira vez superam os 500 milhões de euros no primeiro bimestre.

Reservas para os voos TAP Lisboa – Recife no Verão estão 144% acima de 2016

19-04-2017 (17h22)

A TAP, que celebra hoje o 50º aniversário da sua rota Lisboa – Recife, anunciou que em Janeiro e Fevereiro teve mais 144% de reservas para estes voos entre Abril e Outubro que no período homólogo do ano passado.