Aeroporto de Miami encerra um terminal devido a paralisação do governo dos EUA

11-01-2019 (16h44)

O aeroporto internacional de Miami, nos EUA, vai fechar um dos seus terminais este fim-de-semana devido à paralisação parcial do governo, afirmou hoje o porta-voz.

Hoje, dia de pagamento, os vigilantes aeroportuários não receberam o seu cheque salarial, devido à paralisação parcial do governo dos EUA, e muitos deles estão a ausentar-se ao serviço, declarando estar doentes.

Perante a insuficiência de funcionários, o aeroporto de Miami não consegue manter o funcionamento normal dos 11 postos de controlo e as autoridades de transportes decidiram encerrar o terminal G, durante várias horas, ao longo dos próximos dois dias.

O porta-voz do aeroporto, Greg Chin, reconheceu que vários passageiros se têm queixado de longas filas de espera, nos postos de controlo, mas diz que o aeroporto tem conseguido evitar atrasos nos voos.

O Presidente dos EUA, Donald Trump, não assina o orçamento de diversas agências federais enquanto o Congresso não aprovar o financiamento da construção de um muro ao longo da fronteira com o México, levando a uma paralisação parcial do governo, que já dura há 21 dias.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: América

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air Europa ‘refreia’ capacidade para São Paulo no próximo Inverno

25-06-2019 (16h00)

A Air Europa, companhia de aviação do grupo espanhol Globalia, indicou que vai ter um Boeing B787-8 Dreamliner a voar entre Madrid e São Paulo Guarulhos no próximo Inverno IATA, entre 27 de Outubro e 29 de Fevereiro, quando anteriormente previa ter o modelo com mais capacidade, o B787-9.

TAP confirma "indisposições pontuais" em aviões A330neo, mas afasta risco para saúde

25-06-2019 (11h38)

A TAP confirmou hoje “casos pontuais de tripulantes com ligeiras indisposições” em alguns voos nos seus novos Airbus A330neo, eventualmente associados a “alguns odores do equipamento de ar condicionado”, garantindo ser uma situação “normal em aeronaves novas”.

Wizz Air vai continuar com o Airbus A321neo entre Budapeste e Lisboa no próximo Inverno

24-06-2019 (12h15)

A Wizz Air, que se apresenta como a maior companhia low cost da Europa Central e do Leste, indicou que no Inverno IATA 2019/20, que começa em finais de Outubro, vai manter os voos entre Budapeste e Lisboa em Airbus A321neo.

Level do IAG vai voar de Amesterdão para Lisboa em concorrência com TAP, KLM, Transavia, easyJet e Vueling

24-06-2019 (11h41)

A Level, companhia criada pelo IAG alegadamente para concorrer no mercado de baixas tarifas e que começou por se centrar em voos de Longo curso à partida de Barcelona, já está a voar entre Lisboa e Amesterdão em Airbus A321 da Anisec.

Qatar Airways começou hoje a voar entre Doha e Lisboa

24-06-2019 (11h00)

A Qatar Airways, uma das grandes companhias do Golfo membro da aliança Oneworld, accionista do IAG, grupo da British Airways e Iberia, e da LATAM, grupo da LAN e da TAM, eleita “melhor companhia de aviação do mundo nos prémios Skytrax 2019, já fez hoje o primeiro voo de Doha para Lisboa e tem neste momento um dos seus Boeing B787-8 Dreamliner a voar da capital portuguesa para a cidade do Emirado.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas