Aeroporto de Macau prevê fechar receitas de 2018 acima de 540 milhões de euros

10-01-2019 (16h03)

Foto: Aeroporto de Macau
Foto: Aeroporto de Macau

O aeroporto internacional de Macau (MIA) indicou esperar receitas superiores a cinco mil milhões de patacas (cerca de 540 milhões de euros) em 2018, ano em que bateu o recorde do número de passageiros.

As receitas globais do aeroporto “alcançaram um marco histórico” no ano passado, de acordo com um boletim divulgado pela empresa gestora, a CAM - Sociedade do aeroporto internacional de Macau, que gere a infraestrutura.

Neste sentido, a empresa garantiu que vai “continuar a reembolsar as dívidas ao Governo e accionistas”.

Em 2018, o aeroporto de Macau registou um recorde de 8,26 milhões de passageiros, um aumento de 15% em relação a 2017 e “o tráfego de passageiros mais alto” de sempre, 12 vezes superior à população de Macau, sublinhou a empresa, num outro comunicado.

Actualmente existem 27 companhias aéreas a operar no aeroporto, ligando Macau a mais de meia centena de destinos.

Em 2018 passaram a operar no aeroporto seis novas companhias aéreas: a Small Planet Airlines, a Royal Air Charter Service, a Cambodia Airways, a KC International Airlines e a Zhejiang Loong Airlines.

Também no ano passado, o aeroporto de Macau adicionou dez novas rotas internacionais, incluindo Sanya, Qingdao, Xian e Kunming (China), Phuket e Krabi (Tailândia), Kota Kinabalu (Malásia), Tuguegarao e Cebu (Filipinas) e Taegu (Coreia do Sul).

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Macau

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aprovado projecto de lei que retira limite ao investimento estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

21-03-2019 (18h07)

A Câmara de Deputados do Brasil aprovou um projecto de lei que retira o limite de capital estrangeiro em companhias aéreas brasileiras, muito semelhante à Medida Provisória 863 editada em Dezembro de 2018 pelo ex-presidente Michel Temer, que foi preso hoje, 21 de Março, por suspeitas de corrupção.

Privatização parcial da TAAG avança ainda este ano, diz ministro dos Transportes angolano

20-03-2019 (17h07)

O ministro dos Transportes angolano, Ricardo de Abreu, disse hoje à agência Lusa que a privatização parcial da companhia de aviação angolana TAAG deverá avançar ainda este ano.

TAP fez o primeiro voo comercial de um A330neo nos EUA

20-03-2019 (11h05)

A TAP realizou esta terça-feira o primeiro voo comercial de um Airbus A330-900 Neo nos Estados Unidos, ao aterrar uma aeronave deste modelo em Miami, num voo procedente de Lisboa com 193 passageiros a bordo.

EUA fazem auditoria ao processo de certificação do Boeing 737 MAX 8

20-03-2019 (10h30)

O Departamento dos Transportes do Governo dos EUA confirmou ter lançado uma auditoria à certificação do Boeing 737 MAX 8, modelo dos dois aviões que caíram recentemente na Indonésia e na Etiópia.

Travelport e Japan Airlines juntam-se para criar um GDS líder no Japão

19-03-2019 (18h25)

A Travelport e a Japan Airlines assinaram um acordo para lançar uma joint venture que visa desenvolver um GDS líder no Japão, através da integração das plataformas Travelport Japan e a Axess International Network.