Aeroporto de Macau prevê fechar receitas de 2018 acima de 540 milhões de euros

10-01-2019 (16h03)

Foto: Aeroporto de Macau
Foto: Aeroporto de Macau

O aeroporto internacional de Macau (MIA) indicou esperar receitas superiores a cinco mil milhões de patacas (cerca de 540 milhões de euros) em 2018, ano em que bateu o recorde do número de passageiros.

As receitas globais do aeroporto “alcançaram um marco histórico” no ano passado, de acordo com um boletim divulgado pela empresa gestora, a CAM - Sociedade do aeroporto internacional de Macau, que gere a infraestrutura.

Neste sentido, a empresa garantiu que vai “continuar a reembolsar as dívidas ao Governo e accionistas”.

Em 2018, o aeroporto de Macau registou um recorde de 8,26 milhões de passageiros, um aumento de 15% em relação a 2017 e “o tráfego de passageiros mais alto” de sempre, 12 vezes superior à população de Macau, sublinhou a empresa, num outro comunicado.

Actualmente existem 27 companhias aéreas a operar no aeroporto, ligando Macau a mais de meia centena de destinos.

Em 2018 passaram a operar no aeroporto seis novas companhias aéreas: a Small Planet Airlines, a Royal Air Charter Service, a Cambodia Airways, a KC International Airlines e a Zhejiang Loong Airlines.

Também no ano passado, o aeroporto de Macau adicionou dez novas rotas internacionais, incluindo Sanya, Qingdao, Xian e Kunming (China), Phuket e Krabi (Tailândia), Kota Kinabalu (Malásia), Tuguegarao e Cebu (Filipinas) e Taegu (Coreia do Sul).

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Macau

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air Europa ‘refreia’ capacidade para São Paulo no próximo Inverno

25-06-2019 (16h00)

A Air Europa, companhia de aviação do grupo espanhol Globalia, indicou que vai ter um Boeing B787-8 Dreamliner a voar entre Madrid e São Paulo Guarulhos no próximo Inverno IATA, entre 27 de Outubro e 29 de Fevereiro, quando anteriormente previa ter o modelo com mais capacidade, o B787-9.

TAP confirma "indisposições pontuais" em aviões A330neo, mas afasta risco para saúde

25-06-2019 (11h38)

A TAP confirmou hoje “casos pontuais de tripulantes com ligeiras indisposições” em alguns voos nos seus novos Airbus A330neo, eventualmente associados a “alguns odores do equipamento de ar condicionado”, garantindo ser uma situação “normal em aeronaves novas”.

Wizz Air vai continuar com o Airbus A321neo entre Budapeste e Lisboa no próximo Inverno

24-06-2019 (12h15)

A Wizz Air, que se apresenta como a maior companhia low cost da Europa Central e do Leste, indicou que no Inverno IATA 2019/20, que começa em finais de Outubro, vai manter os voos entre Budapeste e Lisboa em Airbus A321neo.

Level do IAG vai voar de Amesterdão para Lisboa em concorrência com TAP, KLM, Transavia, easyJet e Vueling

24-06-2019 (11h41)

A Level, companhia criada pelo IAG alegadamente para concorrer no mercado de baixas tarifas e que começou por se centrar em voos de Longo curso à partida de Barcelona, já está a voar entre Lisboa e Amesterdão em Airbus A321 da Anisec.

Qatar Airways começou hoje a voar entre Doha e Lisboa

24-06-2019 (11h00)

A Qatar Airways, uma das grandes companhias do Golfo membro da aliança Oneworld, accionista do IAG, grupo da British Airways e Iberia, e da LATAM, grupo da LAN e da TAM, eleita “melhor companhia de aviação do mundo nos prémios Skytrax 2019, já fez hoje o primeiro voo de Doha para Lisboa e tem neste momento um dos seus Boeing B787-8 Dreamliner a voar da capital portuguesa para a cidade do Emirado.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas