Aeroporto de Lisboa atinge seis milhões de passageiros no 1º trimestre, com aumento em 15,9%

13-04-2018 (11h32)

Aeroporto de Lisboa
Aeroporto de Lisboa

Dado como ‘esgotado’ há mais de um ano, o Aeroporto de Lisboa continua a crescer a dois dígitos e a bater recordes, mostram os dados da ANA a que o PressTUR teve acesso, nos quais a gestora aeroportuária indica que o Humberto Delgado terminou o primeiro trimestre, pela primeira vez, acima dos seis milhões de passageiros.

Segundo essa informação, nos primeiros três meses deste ano o Aeroporto Humberto Delgado teve um aumento de passageiros em 15,9%, com mais cerca de 820 mil que no primeiro trimestre de 2017, e totalizou 6.001.483, quase o dobro do que tinha há três anos (3.144.013 no primeiro trimestre de 2013).

A ‘explosão’ do Aeroporto de Lisboa em época baixa é, no entanto, recente.

Depois de em 2009, ano da crise do turismo a nível mundial, o Aeroporto Humberto Delgado ter registado uma queda em 10,4% do número de passageiros nos primeiros três meses, seguiram-se anos de recuperação moderada, com +7,7% no primeiro trimestre de 2010, 2,3% em 2011, 5,1% em 2012, 3,6% em 2013 e 8,8% em 2014.

Em 2015 o crescimento no primeiro trimestre atingiu os 16,3%, mas em 2016 voltou a ficar abaixo dos 10%, em 7,4%, a que se seguiram aumentos ‘explosivos’ em 2017, com +21,2% no primeiro trimestre do ano, e este ano, com +15,9%.

Fontes da aviação contactadas pelo PressTUR comentaram que no primeiro trimestre, como é um período de baixa do tráfego, há mais margem de crescimento do que em épocas altas, nas quais as ‘folgas’ para expansão são menores ou já nem sequer existem, nomeadamente nos períodos de ‘pico’ do tráfego.

Mas depois de todos os discursos sobre o esgotamento da capacidade em Lisboa, não se esperaria que no primeiro trimestre tivesse um aumento dos movimentos (partidas e chegadas) em 12,8% ou mais de cinco mil, ficando em quase 47 mil, o que equivale a 56% do total dos dez aeroportos da ANA, quando há um ano tinha 53,5%.

 

Clique para mais notícias: Aeroporto de Lisboa

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair lança-se na venda de bilhetes para eventos desportivos

14-12-2018 (17h12)

A Ryanair anunciou que começou a comercializar bilhetes para eventos desportivos, designadamente para jogos de futebol das primeiras divisões espanhola e francesa.

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Operador dinamarquês vai ter charters para Portugal com a Jet Time, após falência da Primera Air

14-12-2018 (15h49)

O operador turístico dinamarquês Bravo Tours contratou a companhia aérea Jet Time para fazer as suas operações charter no próximo Verão, incluindo voos para Portugal, que estavam previstas ser realizadas pela Primera Air, que declarou falência em Outubro.

TAP prevê poupar 30 milhões de euros na factura de combustível em 2019

14-12-2018 (12h56)

A TAP prevê conseguir em 2019 uma poupança de 30 milhões de euros nos custos de combustível, graças à renovação da frota com aviões mais eficientes, de acordo com o Chief Financial Officer (CFO) da companhia, Raffael Quintas.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

Ultimas Noticias