Aviação estrangeira ganha mercado em Portugal no primeiro semestre

22-08-2019 (11h19)

Portugal teve no primeiro semestre deste ano um excedente de 1,4 mil milhões de euros pelo transporte aéreo de passageiros, mas em queda de 4% face à primeira metade de 2018, porque enquanto as compras de passagens a companhias estrangeiras aumentaram 10,8% as vendas para o estrangeiro baixaram 1,2%.

Dados divulgados ontem pelo Banco de Portugal mostram que as vendas das companhias portuguesas, a maior das quais a TAP, mas para as quais também contam a SATA, a euroAtlantic e a Hi Fly, atingiram 1.787 milhões de euros nos primeiros seis meses deste ano, enquanto as compras a companhias estrangeiras ficaram em 376,75 milhões.

Ainda assim, enquanto as vendas das companhias portuguesas caíram 22,25 milhões em relação ao primeiro semestre de 2018, as compras a companhias estrangeiras aumentaram 36,69 milhões.

Desta forma, embora mantendo-se largamente excedentário, o sector português da aviação comercial teve uma quebra do saldo internacional positivo de 58,91 milhões de euros, com menos 35,53 milhões (-4,7%, para 723,07 milhões) no primeiro trimestre e menos 23,28 milhões (-3,3%, para 687,19 milhões) no segundo.

A informação do banco central mostra que as exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros baixaram 2% ou 18,07 milhões no primeiro trimestre, para 885,37 milhões, enquanto as importações aumentaram 12,1% ou 17,46 milhões, para 162,3 milhões.

No segundo trimestre, tanto a queda das exportações como o aumento das importações atenuaram-se, registando respectivamente um decréscimo em 0,5% ou 4,18 milhões, para 901,63 milhões, e um aumento em 9,9% ou 19,23 milhões, para 214,45 milhões.

No mês de Junho, as exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros caíram 3,5% ou 9,98 milhões de euros, ficando em 271,41 milhões, enquanto as importações aumentaram 8,3% ou 4,9 milhões e atingiram o montante de 63,93 milhões.

 

Clique para mais notícias: Balança portuguesa das Viagens e Turismo

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

MSC Cruzeiros vai ser 'carbon-neutral' a partir de 2020

13-11-2019 (16h35)

A MSC Cruzeiros, que no passado fim-de-semana baptizou o MSC Grandiosa em Hamburgo, anunciou a intenção de compensar as emissões de carbono da sua actividade a partir do primeiro dia do próximo ano, através de compensações via programas de créditos de carbono.

TAP baptiza novo A321 LR com nome de Jorge de Sena

13-11-2019 (13h08)

A TAP baptizou um dos seus novos aviões A321 Long Range com o nome Jorge de Sena, em homenagem ao “poeta português que se naturalizou brasileiro e estreitou as relações culturais e literárias entre Portugal e o Brasil”.

Thomas Cook Alemanha cancela todas as viagens para 2020

13-11-2019 (09h27)

A filial alemã do falido grupo Thomas Cook cancelou todas as reservas para viagens a partir de 1 de Janeiro de 2020.

DER Touristik quer ficar com agências Holiday Land e hotéis Sentido do grupo Thomas Cook

13-11-2019 (08h56)

A DER Touristik anunciou que chegou a acordo para comprar a rede de agências de viagens Holiday Land, incluindo os contratos de franquia, e que pretende adquirir a rede de hotéis Sentido, subsidiárias do falido grupo Thomas Cook.

Hotel nas Galerias Lumiére no Porto recebe parecer positivo da Direcção Regional de Cultura

13-11-2019 (08h03)

A Direcção Regional de Cultura do Norte (DRCN) deu parecer favorável ao Pedido de Informação Prévia (PIP) para uma unidade hoteleira a instalar nas Galerias Lumière, no Porto, que vão encerrar em 2020, revelou aquele organismo.

Noticias mais lidas