Tunísia: Hammamet e Sousse, cidades antigas além de resorts de praia

07-04-2017 (15h45)

As cidades de Hammamet e de Sousse, no Golfo de Hammamet, que se contam entre as mais conhecidas da Tunísia em grande medida pelas suas zonas de resort para desfrutar do regime de tudo incluído e de praia, são também pólos culturais, com as Medinas ou cidades antigas, que incluem mesquitas, kasbahs, museus, e outros pontos de interesse cultural.

A cidade de Hammamet, entre Tunes e Sousse, no distrito de Nabeul, conta com a sua Medina Antiga, do ano de 904, rodeada de altas muralhas que compreendem, entre outros pontos de interesse cultural, a Grande Mesquita ao centro, as ruas estreitas com casas, bancas de vendedores e os hammams (casas de banhos turcos), que dão nome à cidade.

A kasbah (fortaleza), construída depois da restauração da Medina Antiga, no século XV, oferece uma vista privilegiada sobre a cidade, e conta ainda com um café em frente ao mar onde é possível desfrutar de um chá de menta ou fumar shisha ao fim da tarde depois de uma caminhada pelas ruas.

A popularidade de Hammamet começou a aumentar nos anos 20 com a presença do milionário romeno George Sebastian, que construiu a sua casa que agora é o Centro Cultural Internacional.

A zona de praias e resorts de Yasmine Hammamet, encontra-se a cerca de nove quilómetros do centro da cidade, e conta com a sua Medina Mediterrânea e uma das maiores marinas da Tunísia.

A oferta hoteleira de Yasmine Hammamet inclui os 4-estrelas Hotel Vincci Marillia, Hotel Concorde Marco Polo e Iberostar Averroes, onde o grupo de agentes da famtrip da Jolidey ficou hospedado, e os 5-estrelas El Mouradi Hammamet e Méhari Hammamet.

A cidade de Sousse, fundada no século IX a.C., é a terceira maior cidade da Tunísia e a capital do distrito homónimo. A sua Medina conta com, entre outros, o Ribat de Sousse, um mosteiro fortificado rodeado por muralhas de 13 metros de altura com um Nador (torre de vigia) que se eleva a 27 metros e oferece uma vista panorâmica sobre a cidade.

A Medina de Sousse tem a particularidade de ter a sua Grande Mesquita, que segue o modelo da Grande Mesquita de Kairouan, numa extremidade, ao invés de no centro, como é mais frequente.

A oferta hoteleira de Sousse, na zona de Port El Kantoui, inclui o 4-estrelas Thalassa Sousse Resort & Aquapark e os 5-estrelas Concorde Green Park e Iberostar Diar el Andalous, onde o grupo de agentes da famtrip da Jolidey também ficou hospedado.

O agente de viagens Patrick Fernandes, da clickviaja.com de Valpaços, que participou na famtrip da Jolidey à Tunísia destacou o rácio qualidade/preço do 5-estrelas Iberostar, referindo que apesar de não ter havido tempo para ver a praia (Março), "vimos as instalações do hotel, a comida, o pequeno-almoço, a simpatia dos funcionários, tudo isso tem um bom nível, e é um hotel que está com preços bastante atractivos".

Filipe Peralta, agente de viagens da Target Charme de São Domingos de Rana, afirmou ter ficado mais impressionado com a visita ao 5-estrelas Concorde Green Park e destacou a qualidade do serviço dos hotéis.

O PressTUR visitou a Tunísia a convite da Jolidey


Para ler mais sobre a famtrip da Jolidey à Tunísia clique:
Jolidey leva 22 agentes de viagens portugueses à Tunísia

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais notícias: Tunísia

Clique para mais notícias: África


Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Solférias leva às Maldivas agentes de viagens que mais venderem o destino

20-02-2019 (14h02)

O operador turístico Solférias anunciou que vai oferecer oito lugares numa viagem de familiarização (fam trip) às Maldivas às oito agências de viagens que mais venderem os seus programas para este destino.

Potenciais compradores da Travelport perspectivam crescimento mais agressivo

19-02-2019 (17h21)

Impulsionar a indústria da distribuição de viagens para uma espécie de “versão 2.0”, significando ter um crescimento mais agressivo, é a perspectiva apontada por Frank Baker, co-fundador do Siris Capital Group, uma das sociedades de investimento que tem em curso uma proposta de aquisição da Travelport apoiada pela administração da companhia.

Sem charters semanais para Punta Cana, turismo português para a Dominicana cai 55%

19-02-2019 (16h29)

Portugal foi o quarto país europeu com a maior quebra de turistas na Dominicana este Janeiro, reflectindo a inexistência de voos semanais para Punta Cana, ao contrário do ano passado, que foi o primeiro desde 2011 em que os operadores turísticos tiveram voos mesmo em época baixa.

Carlson Wagonlit Travel passa a ser só CWT

19-02-2019 (16h16)

A Carlson Wagonlit Travel, uma das maiores agências de viagens corporate do mundo, presente em Portugal associada à Springwater Turismo, anunciou uma mudança de designação oficial para CWT, que era já a sigla mais utilizada para a designar, embora não assumida oficialmente.

Springwater vai finalmente apostar na “aproximação/integração” Geostar - Top Atlântico

15-02-2019 (16h35)

O grupo espanhol Wamos, do fundo suíço Springwater, vai avançar finalmente para a “aproximação/integração” das suas redes em Portugal, a Top Atlântico comprada ao antigo GES e a Geostar comprada ao grupo Sonae em 2015.