Portugal foi o destino mais vendido pelas agências Bestravel em 2017

05-02-2018 (09h21)

Portugal, com crescimento significativo da procura pelos Açores e pelo Centro, foi o destino mais vendido no ano passado pela rede de agências de viagens Bestravel, revelou o seu administrador, Carlos Neves.

A procura por Portugal "não está muito concentrada no Algarve, até porque o produto encareceu e teve algumas dificuldades de disponibilidade", especificou o executivo, que falava aos jornalistas durante a 14ª Convenção da Bestravel, em Ponta Delgada.
Espanha, "que vendeu quase tanto na rede como Portugal", foi o segundo destino mais procurado pelos clientes da rede, seguindo-se Caraíbas, Cabo Verde e Marrocos.

Nos destinos de longo curso, excluindo as Caraíbas, "houve um crescimento muito relevante da Tailândia, que entrou no Top 10", acrescentou Carlos Neves.

O principal fornecedor da Bestravel manteve-se operador turístico Soltour, seguindo-se os operadores Soltrópico, Jolidey, Nortravel e TUI.

Contudo, frisou o executivo, a rede "também se caracteriza muito por ter produto próprio", pelo que "os fornecedores de hotelaria ganharam um peso muito significativo, nomeadamente a Turitravel".

A criação de pacotes próprios pela Bestravel deverá representar cerca de 20% das vendas, especificou o director-geral da rede, Luís Henriques.

As vendas globais das 50 agências de viagens Bestravel no ano passado subiram 19% face a 2016, um crescimento influenciado pela alteração das emissões de passagens aéreas, que até Julho de 2017 eram feitas pela Magnet e a partir daí passaram a ser feitas internamente. Sem esse efeito, o crescimento foi de 11%.

"A margem andou ligeiramente acima", especificou Carlos Neves, indicando que aumentou cerca de 19% incluindo o efeito da alteração nas emissões e mais de 11% excluindo esse efeito.

O ano de 2017, porém, foi "um bocadinho atípico", designadamente pelo elevado número de aberturas de novas franquias, que fez a rede chegar às 50 agências de viagens.

A Bestravel abriu oito novas lojas no ano passado, incluindo duas que são "segundas franquias" ('franchisados' que abriram uma segunda loja) e duas que são transições de agências Turangra, marca que também integra o grupo Newtour, o mesmo grupo da Bestravel (clique para ler: "A Turangra agora é Bestravel").

Para Luís Henriques, director da rede, a abertura de "segundas franquias" é "algo que nos orgulha e significa que o negócio está a correr bem".

Carlos Neves sublinha que a abertura de segundas lojas "é um fenómeno que apareceu nos últimos dois anos" e "é provável que possa acontecer mais uma ou outra situação durante 2018".

Sobre novas aberturas para 2018, Carlos Neves sublinha que a empresa não tem uma meta, "até porque o nosso conceito é de grande proximidade com a rede", e "um número excessivo de aberturas pode criar alguns problemas no padrão e no nível de serviço em que estamos".

As prioridades são a abertura de lojas em duas ou três capitais de distrito onde ainda não tenham presença e o Porto, onde já está a ser analisada a abertura de uma agência.

Além das lojas Bestravel, a empresa tem o Grupo Português de Agências (GPA), com cinco agências "associadas que têm os serviços e a contratação comercial mas não usam a marca Bestravel".





Clique para ver mais: Bestravel

Clique para ver mais: Agências&Operadores
Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CVC ultrapassou os cinco milhões de passageiros embarcados no primeiro semestre

14-08-2018 (17h56)

O grupo brasileiro CVC Corp, que engloba agências de viagens e operadores turísticos e vende viagens de lazer e corporativas, superou no primeiro semestre os cinco milhões de passageiros embarcados, com um aumento em 30,8% em relação ao período homólogo de 2017.

CVC agrega mais uma participada b2b com a compra do consolidador Esferatur

14-08-2018 (16h26)

A brasileira CVC, maior grupo latino americano de organização e comercialização de viagens, anunciou hoje um reforço do seu portefólio de produtos e serviços para o mercado profissional através da aquisição da Esferatur, classificada como um dos maiores consolidadores do mercado brasileiro, com vendas de bilhetes de avião na ordem de 1,8 mil milhões de reais (cerca de 407 milhões de euros).

Lusanova Cruzeiros já vende cruzeiros Star Clippers

08-08-2018 (17h20)

A Lusanova Cruzeiros, que em finais de Julho começou a vender cruzeiros da Carnival Cruise Line, anunciou hoje que também passou a ser agente de vendas da Star Clippers.

Soltrópico lança campanha para férias em Setembro em Cabo Verde, Tunísia e Porto Santo

08-08-2018 (12h58)

A Soltrópico lançou uma campanha de vendas para férias em Setembro em alguns dos seus destinos programados com voos charter, designadamente as ilhas cabo-verdianas do Sal e da Boavista, Monastir, na Tunísia, e Porto Santo.

Operadores marítimo-turísticos dos Açores queixam-se de falta de capacidade na SATA

07-08-2018 (15h08)

A SATA “está a penalizar” a actividade dos operadores marítimo-turísticos, por falta de capacidade para a procura que há nomeadamente para mergulho com jamantas ao largo da ilha de Salta Maria, que empresários locais garantem estar a afirmar-se como alternativa às Maldivas.