Operador de handling turco adopta solução de controle de partidas da Travelport

14-03-2018 (17h36)

Foto: TAV Airports
Foto: TAV Airports

A Travelport, multinacional conhecida sobretudo pela sua plataforma de comércio de viagens, anunciou que um dos maiores operadores de handling turco, a Havaş Ground Handling, decidiu adoptar o sistema de controlo de partidas DCS, do inglês para departure control system, que desenvolveu em parceria com a holandesa Res2.

A informação indica que a Havas vai utilizar a solução iPort DCS desenvolvida pela Travelport e pela Res2 para optimizar a assistência em terra a passageiros e aviões de mais de 200 companhias em 28 aeroportos na Turquia, Letónia e Arábia Saudita.

O comunicado realça ainda que o iPort DCS proporciona ganhos de produtividade de 25% e salienta que é de fácil utilização e aprendizagem.

 

Clique para mais notícias: Travelport

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

APG Portugal acrescenta Adria Airways e Jeju Air ao seu programa de interline

11-12-2018 (16h28)

As companhias de aviação Adria Airways, da Eslovénia, e Jeju Air, da Coreia do Sul, passaram a integrar o programa de emissão de bilhetes interline da APG Portugal.

Roadshow “Os Especialistas” visita seis cidades em Fevereiro

11-12-2018 (15h27)

O roadshow “Os Especialistas”, que junta fornecedores de produtos e serviços para agências de viagens, vai percorrer seis cidades portuguesas de 18 a 28 de Fevereiro, contando assim com menos duas sessões que na edição de 2018.

Bestravel chega às 53 lojas com nova agência em Lousada

11-12-2018 (14h40)

O grupo de agências de viagens Bestravel chegou às 53 lojas com a inauguração de uma nova agência em Lousada, no distrito do Porto.

Hotéis no Sal e na Boavista estão “no limite da sua capacidade” para o Fim de Ano – presidente da AAVTCV

10-12-2018 (12h58)

Os hotéis das ilhas cabo-verdianas do Sal e da Boavista estão “no limite da sua capacidade” para o réveillon, e os principais mercados emissores são o Reino Unido e Portugal, segundo Mário Sanches, presidente da Associação das Agências de Viagem e Turismo de Cabo Verde (AAVTCV).

Cabo Verde deve apostar na “diversidade e qualidade da oferta” turística – presidente da AAVTCV

10-12-2018 (12h56)

Mário Sanches, presidente da Associação das Agências de Viagem e Turismo de Cabo Verde (AAVTCV), considera que Cabo Verde deve apostar na criação de "roteiros e alternativas capazes de acrescentar valor e interesse para que consigamos atrair mais turistas e novos mercados".