Iberia e British aumentam taxa sobre reservas em GDS

06-09-2018 (13h17)

Foto: Aeroporto de Londres Heathrow
Foto: Aeroporto de Londres Heathrow

As companhias de aviação Iberia e British Airways, do IAG, vão aumentar a sobretaxa para reservas nos sistemas globais de reservas (GDS, da designação em inglês), sistema mais utilizado pelas agências de viagens de 9,5 para 10,5 euros, na espanhola, e de 8 para 9 libras, na britânica, a partir de 18 de Setembro.

A informação foi revelada pela companhia aérea espanhola no seu website para agentes de viagens, segundo avança a imprensa espanhola.

Ao anunciar o aumento, as companhias aéreas salientaram que revêem periodicamente os custos de distribuição “para garantir que a DTC (Distribution Technology Charge) reflecte o custo adicional real das reservas feitas em canais que não são baseados em conexões NDC (New Distribution Capability) ou outros canais de baixo custo”.

A sobretaxa da Iberia e da British Airways por reserva efectuada em canais que não sejam próprios ou que não utilizem conexões NDC foi implementada a 1 de Novembro de 2017 (ver também: British Airways e Iberia vão cobrar taxa nas reservas em GDS a partir de Novembro).

Desde que anunciaram a medida, as duas companhias aéreas têm vindo a anunciar a adesão de algumas TMC (travel management companies) e redes de agências de viagens à sua distribuição NDC, o que as isenta do pagamento da taxa via o que foi sendo denominado como canais privados viabilizados pelos GDS (clique para ler: British Airways e Iberia anunciam acordos de utilização do seu NDC).

O Grupo Lufthansa foi pioneiro na implementação de uma taxa por reserva efectuada através dos GDS, que são os sistemas que processam as reservas efectuadas pelas agências de viagens e que lhes permitem apresentar aos clientes o maior leque de opções para a viagem pretendida.

A taxa do grupo aéreo alemão de 16 euros por reserva, apelidada Distribution Cost Charge (DCC), foi implementada a 1 de Setembro de 2015 e tem vindo a ser contestada pelo mercado, nomeadamente pelas associações de agências de viagens e operadores turísticos europeus.

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: IAG

Clique para ver mais: Iberia

Clique para ver mais: British Airwaya

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Solférias leva às Maldivas agentes de viagens que mais venderem o destino

20-02-2019 (14h02)

O operador turístico Solférias anunciou que vai oferecer oito lugares numa viagem de familiarização (fam trip) às Maldivas às oito agências de viagens que mais venderem os seus programas para este destino.

Potenciais compradores da Travelport perspectivam crescimento mais agressivo

19-02-2019 (17h21)

Impulsionar a indústria da distribuição de viagens para uma espécie de “versão 2.0”, significando ter um crescimento mais agressivo, é a perspectiva apontada por Frank Baker, co-fundador do Siris Capital Group, uma das sociedades de investimento que tem em curso uma proposta de aquisição da Travelport apoiada pela administração da companhia.

Sem charters semanais para Punta Cana, turismo português para a Dominicana cai 55%

19-02-2019 (16h29)

Portugal foi o quarto país europeu com a maior quebra de turistas na Dominicana este Janeiro, reflectindo a inexistência de voos semanais para Punta Cana, ao contrário do ano passado, que foi o primeiro desde 2011 em que os operadores turísticos tiveram voos mesmo em época baixa.

Carlson Wagonlit Travel passa a ser só CWT

19-02-2019 (16h16)

A Carlson Wagonlit Travel, uma das maiores agências de viagens corporate do mundo, presente em Portugal associada à Springwater Turismo, anunciou uma mudança de designação oficial para CWT, que era já a sigla mais utilizada para a designar, embora não assumida oficialmente.

Springwater vai finalmente apostar na “aproximação/integração” Geostar - Top Atlântico

15-02-2019 (16h35)

O grupo espanhol Wamos, do fundo suíço Springwater, vai avançar finalmente para a “aproximação/integração” das suas redes em Portugal, a Top Atlântico comprada ao antigo GES e a Geostar comprada ao grupo Sonae em 2015.