Go4Travel promove reuniões entre agências e fornecedores (em fotos)

29-10-2018 (17h08)

A Go4Travel organizou este fim-de-semana em Coimbra a Summit 4 Travel, onde juntou agências do grupo e cerca de 50 fornecedores, incluindo operadores turísticos, companhias aéreas e outras empresas. Veja aqui as fotos.

O evento arrancou no Sábado no hotel Vila Galé com intervenções do presidente da Go4Travel, João Matias, do presidente da CTP, Francisco Calheiros, do presidente da Turismo do Centro, Pedro Machado, do presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, e da vereadora da Cultura na Câmara Municipal de Coimbra, Carina Gomes, seguindo-se uma série de apresentações dedicadas às inovação que o grupo de agências de viagens está a desenvolver (clique para ler: Go4Travel prepara lançamento de incubadora de startups para encontrar “novas oportunidades” / Go4Travel aposta na integração de pessoas com perturbações de desenvolvimento intelectual / Go4Travel lança primeira versão da nova plataforma interna até final de Março).

A tarde de Sábado ficou reservada para reuniões entre as agências de viagens da Go4Travel e os fornecedores, onde estão incluídos TAP, Travelport, TAAG, Solférias, Grupo Lufthansa, Atlantic Joint Venture e Air Europa.

Entre os fornecedores participantes também estiveram Aigle Azur, Air France, KLM, Delta, Arabian Connection, ATR, Air Transat, Ávoris, Bedsonline, Costa Cruzeiros, Emirates, Europcar, Exoticoonline, Operador Destinos, Iberia, British Airways, American Airlines, Finnair, Japan Airlines, Image Tours, LATAM, Lusanova, Melair, Pullmantur, MSC, Nortravel, Restel, Royal Air Maroc, SATA, SGS Seguros, Soltour, Soltrópico, Aegean, Teldar Travel, TUI Portugal, Travelplan, Turkish Airlines, Veturis, Viajar Tours, W2M Pro, You e Yourhotels.

Para homenagear alguns parceiros, a convenção incluiu ainda um jantar com entrega de prémios no Convento de São Francisco, seguindo-se na manhã de Domingo duas apresentações dedicadas à formação e team building das empresas que integram o grupo.

O grupo de agências de viagens Go4Travel, que é composto por 42 accionistas, com 100 balcões e cerca de 700 trabalhadores, fechou o ano passado com 366 milhões de euros em vendas e perspectiva encerrar este ano perto dos 400 milhões (clique para ler: Go4Travel prevê atingir perto de 400 milhões de euros em vendas este ano).

 

Clique para ver mais: Go4Travel

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Plataforma da Solférias já permite reservar ‘fare families’ (com vídeo)

12-11-2018 (16h03)

O operador turístico Solférias anunciou que passou a ter na sua plataforma uma funcionalidade que permite a reserva ‘fare families' em programas com voos, possibilitando aos agentes de viagens oferecer mais opções aos seus clientes.

Soltrópico dá formação sobre os Emirados Árabes Unidos

12-11-2018 (12h56)

O operador turístico Soltrópico está a anunciar uma formação sobre os Emirados Árabes Unidos a decorrer no dia 14 de Novembro.

Agências de viagens europeias acusam IATA de prepotência

09-11-2018 (12h43)

A ECTAA, organização que reúne as associações de agências de viagens e operadores turísticos europeus, acusou a IATA, associação mundial de companhias de aviação, de "unilateralmente" pôr em causa aspectos importantes da regulação da sua relação comercial.

Reservas em GDS abrandam fortemente no terceiro trimestre, Amadeus

07-11-2018 (17h50)

As reservas de voos por agências de viagens através dos GDS (sistemas globais de distribuição) passaram de um crescimento médio em 4,3% no primeiro semestre para apenas 1,7% no terceiro trimestre, revelou hoje a Amadeus IT, que atribui o abrandamento, entre outros factores, ao impacto de "estratégia adoptadas por algumas companhias de aviação" na Europa Ocidental, sua maior região.

Agências e operadores turísticos estão “relativamente confortáveis”, Pedro Gordon, GEA

05-11-2018 (18h42)

“A nível de comissões acho que o mercado está mais ou menos bem regulado neste momento”, assumiu Pedro Gordon, director-geral da GEA, maior rede portuguesa de agências de viagens em número de lojas, ao pronunciar-se sobre a remuneração das agências pelas vendas de pacotes de operadores turísticos, o seu maior segmento de actividade.