Go4Travel divulga tendências de viagens para o Verão

04-06-2018 (15h49)

O grupo de agências de viagens Go4Travel divulgou uma lista de dez destinos que considera serem as tendências do mercado para o Verão, resultado de uma consulta interna aos seus 42 accionistas.

Os Açores são o primeiro destino da lista, descrito pela Go4Travel como “ideal para quem gosta de se aventurar e explorar a natureza e a história dos locais que visita”.

Seguem-se as ilhas Baleares, “destinos apetecíveis para quem procura relaxar em praias paradisíacas banhadas por um mar azul e tranquilo mas que não dispensa intensos programas de animação nocturna”.

Cabo Verde é o terceiro destino da lista, graças às suas praias e baías, cidades à beira-mar e “trilhos que serpenteiam em campos de lava”.

Em São Tomé e Príncipe, o grupo destaca a “oportunidade de uma viagem inesquecível ao lado de um povo franco e hospitaleiro”, onde será possível conhecer “as históricas roças”, “as praias desertas” e “as plantações de café”.

Marrocos também está nas tendências, por ser uma “terra de todos os sons e cheiros” e proporcionar “uma viagem que é uma experiência verdadeiramente sensorial”, entre cidades, deserto e praia.

Com “praias de areia preta, lagoas glaciares, geiseres, icebergues, campos de lava, cascatas, vulcões”, a Islândia também tem um lugar na lista, por ser “um local único e obrigatório”.

Segue-se Cuba, “apetecível para quem procura os encantos icónicos das Caraíbas”, “um país para se aventurar e voltar atrás no tempo”.

As tendências para o Verão também incluem o México, “rico em história, gastronomia, surpreendentes paisagens, praias incríveis, montanhas, cidades coloniais, ruínas ancestrais”.

A Costa Rica, por sua vez, integra a lista da Go4Travel por ser “um paraíso de florestas e selvas tropicais com um dos índices de biodiversidade mais elevados do planeta”.

A fechar a selecção está o Vietname, com uma diversidade que vai desde “os campos de arroz no Norte, às praias selvagens do Sul, passando pelas variadíssimas iguarias da sua rica gastronomia, este é um destino que surpreende sempre quem o visita”.

 

Clique para mais notícias: Destinos

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais notícias: Go4Travel

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CVC ultrapassou os cinco milhões de passageiros embarcados no primeiro semestre

14-08-2018 (17h56)

O grupo brasileiro CVC Corp, que engloba agências de viagens e operadores turísticos e vende viagens de lazer e corporativas, superou no primeiro semestre os cinco milhões de passageiros embarcados, com um aumento em 30,8% em relação ao período homólogo de 2017.

CVC agrega mais uma participada b2b com a compra do consolidador Esferatur

14-08-2018 (16h26)

A brasileira CVC, maior grupo latino americano de organização e comercialização de viagens, anunciou hoje um reforço do seu portefólio de produtos e serviços para o mercado profissional através da aquisição da Esferatur, classificada como um dos maiores consolidadores do mercado brasileiro, com vendas de bilhetes de avião na ordem de 1,8 mil milhões de reais (cerca de 407 milhões de euros).

Lusanova Cruzeiros já vende cruzeiros Star Clippers

08-08-2018 (17h20)

A Lusanova Cruzeiros, que em finais de Julho começou a vender cruzeiros da Carnival Cruise Line, anunciou hoje que também passou a ser agente de vendas da Star Clippers.

Soltrópico lança campanha para férias em Setembro em Cabo Verde, Tunísia e Porto Santo

08-08-2018 (12h58)

A Soltrópico lançou uma campanha de vendas para férias em Setembro em alguns dos seus destinos programados com voos charter, designadamente as ilhas cabo-verdianas do Sal e da Boavista, Monastir, na Tunísia, e Porto Santo.

Operadores marítimo-turísticos dos Açores queixam-se de falta de capacidade na SATA

07-08-2018 (15h08)

A SATA “está a penalizar” a actividade dos operadores marítimo-turísticos, por falta de capacidade para a procura que há nomeadamente para mergulho com jamantas ao largo da ilha de Salta Maria, que empresários locais garantem estar a afirmar-se como alternativa às Maldivas.