Germania Airlines anuncia falência e cancelamento de todos os voos

05-02-2019 (15h42)

Foto: Germania
Foto: Germania

A companhia de aviação leisure alemã Germania Airlines declarou-se hoje em falência e anunciou a cessação de todos os seus voos, com prejuízo para algumas regiões turísticas portuguesas, designadamente para o Algarve e Madeira.

Com sede em Berlim e uma frota de 37 aviões, há um tempo que a Germania era alvo de prognósticos negativos quanto às suas hipóteses de se manter viável, nomeadamente, depois que no início deste mês reconheceu que, para continuar a voar, precisava com urgência de uma ‘injecção’ de capital de 20 milhões de euros.

“Infelizmente fomos incapazes de conseguir financiamento para cobrir uma necessidade de liquidez de curto prazo”, diz um comunicado do CEO da companhia, Karsten Balke, publicado no site da empresa.

A transportadora aérea explicou que os problemas de liquidez surgiram “principalmente devido a eventos imprevisíveis, como aumentos maciços nos preços dos combustíveis no Verão passado e o simultâneo enfraquecimento do euro em relação ao dólar, atrasos consideráveis na entrada de aeronaves na frota”.

Quanto aos passageiros afectados pela suspensão das operações de voo, a Germania Airlines assumiu que os que reservaram os voos na como parte de um pacote de férias podem entrar em contacto com o operador turístico para conseguirem transporte alternativo e que os passageiros que reservaram directamente com a companhia “infelizmente não têm direito” a ser ressarcidos ou ter voo alternativo.

A Germania foi criada em 1986, voava para 60 destinos do Mediterrâneo, Norte de África e Médio Oriente, tendo uma média de quatro milhões de passageiros por ano.

De acordo coma imprensa especializada, as subsidiárias Swiss Germania Flug AG e Bulgarian Eagle não serão afectadas pela decisão anunciada hoje.

Porém, ocorre ‘em cima’ da falência do grupo Air Berlin, de que o mercado ainda não recuperou totalmente.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Germania

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Solférias leva às Maldivas agentes de viagens que mais venderem o destino

20-02-2019 (14h02)

O operador turístico Solférias anunciou que vai oferecer oito lugares numa viagem de familiarização (fam trip) às Maldivas às oito agências de viagens que mais venderem os seus programas para este destino.

Potenciais compradores da Travelport perspectivam crescimento mais agressivo

19-02-2019 (17h21)

Impulsionar a indústria da distribuição de viagens para uma espécie de “versão 2.0”, significando ter um crescimento mais agressivo, é a perspectiva apontada por Frank Baker, co-fundador do Siris Capital Group, uma das sociedades de investimento que tem em curso uma proposta de aquisição da Travelport apoiada pela administração da companhia.

Sem charters semanais para Punta Cana, turismo português para a Dominicana cai 55%

19-02-2019 (16h29)

Portugal foi o quarto país europeu com a maior quebra de turistas na Dominicana este Janeiro, reflectindo a inexistência de voos semanais para Punta Cana, ao contrário do ano passado, que foi o primeiro desde 2011 em que os operadores turísticos tiveram voos mesmo em época baixa.

Carlson Wagonlit Travel passa a ser só CWT

19-02-2019 (16h16)

A Carlson Wagonlit Travel, uma das maiores agências de viagens corporate do mundo, presente em Portugal associada à Springwater Turismo, anunciou uma mudança de designação oficial para CWT, que era já a sigla mais utilizada para a designar, embora não assumida oficialmente.

Springwater vai finalmente apostar na “aproximação/integração” Geostar - Top Atlântico

15-02-2019 (16h35)

O grupo espanhol Wamos, do fundo suíço Springwater, vai avançar finalmente para a “aproximação/integração” das suas redes em Portugal, a Top Atlântico comprada ao antigo GES e a Geostar comprada ao grupo Sonae em 2015.