GeoStar teve “um bom ano, apesar de tudo” – Gonçalo Salgado, CEO

12-01-2017 (11h09)

As agências de viagens GeoStar, segundo o seu CEO, Gonçalo Salgado, tiveram em 2016 “um bom ano”, apesar das dificuldades no segmento corporate, onde “o efeito da redução do ticket médio da aviação foi muito significativo”.

“O ano de 2016 foi um bom ano, apesar de tudo”, começou por dizer Gonçalo Salgado, que falava aos jornalistas na apresentação das lojas renovadas da GeoStar no Centro Comercial Colombo, em Lisboa.

“Foi um ano de quebra de vendas e isto esteve claramente relacionado com o mercado corporate”, onde “o efeito da redução do ticket médio da aviação foi muito significativo”, frisou o CEO da rede.

A solução para atingir os objectivos do ponto de vista da rentabilidade em 2016 passou por “um controlo muito apertado dos custos”.

2016 foi também o ano de lançamento do novo online da GeoStar, uma plataforma que a rede pretende que seja um dos seus “factores distintivos” na área ‘business to consumer’ (B2C).

Gonçalo Salgado afirma que se trata de “uma plataforma totalmente nova, desenvolvida internamente pela nossa equipa, que tem tido uma performance extraordinária não só do ponto de vista de vendas, como também do ponto de vista de velocidade e funcionalidade”.

“Estamos muito satisfeitos e vamos continuar esse caminho”, sublinha o CEO da rede de agências de viagens, garantindo que há “novidades previstas”, mas dizendo “que não poderão ser reveladas enquanto não forem lançadas”.

A representatividade das vendas online nas vendas globais da GeoStar anda “muito próximo dos 20%, tanto corporate como lazer, sendo que curiosamente no corporate e no lazer a percentagem é relativamente semelhante”.

Gonçalo Salgado sublinha que as vendas globais da GeoStar têm “um peso muito significativo do produto de aviação, que representam sensivelmente 50% das vendas”.

As suas perspectivas para 2017, desta forma, “dependem muito daquilo que acontecer no mercado da aviação: se assistirmos a uma recuperação da tarifa média da aviação, do ponto de vista de facturação isso é um cenário. Se continuarmos a assistir a uma quebra da tarifa média como aconteceu em 2016 esse é um cenário completamente oposto”, frisou.

A previsão de Gonçalo Salgado, reconhecendo que “neste momento é difícil dizer o que é que vai acontecer”, aponta para que “a tarifa média continue a cair durante mais alguns meses” mas a “tendência se inverta algures aqui a meio do ano, não sei exactamente quando”.

 

Ver também:

GeoStar renova lojas para “reforçar o posicionamento de marca jovem” – Gonçalo Salgado, CEO

 

Clique para mais notícias: GeoStar

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Comentários
  • JOAQUIM FERREIRA

    rfef

    12-01-2017 (19h17)


Escrever comentário

Outras Notícias

TAP vai investir “cada vez mais” nas vendas directas

22-03-2019 (15h13)

As vendas da TAP através dos seus canais directos, como o seu website e o contact center, representaram 41% das vendas da companhia aérea em 2018, e o objectivo é chegar a 50%, disse hoje Raffael Quintas, Chief Financial Officer (CFO) da companhia.

Travelplan alerta agentes de viagens para entrada em vigor da "ecotaxa" no México

20-03-2019 (16h18)

O operador turístico Travelplan está a alertar os agentes de viagens para a entrada em vigor de um imposto de saneamento ambiental no México, designado "ecotaxa", no valor de cerca de 1 euro por quarto, por noite.

RAVT organiza XIV Convenção no Grande Hotel do Luso

20-03-2019 (10h00)

A RAVT vai organizar a sua XIV Convenção no Grande Hotel do Luso, no dia 4 de Maio, reunindo as agências de viagens da rede e vários fornecedores.

Travelport e Japan Airlines juntam-se para criar um GDS líder no Japão

19-03-2019 (18h25)

A Travelport e a Japan Airlines assinaram um acordo para lançar uma joint venture que visa desenvolver um GDS líder no Japão, através da integração das plataformas Travelport Japan e a Axess International Network.

CEAV e APAVT promovem encontro entre agentes de viagens portugueses e fornecedores

18-03-2019 (17h27)

A associações de agências de viagens de Espanha e Portugal, CEAV e APAVT, que no ano passado criaram uma aliança ibérica, vão promover no dia 27 de Março um encontro entre agentes de viagens portugueses e diversos fornecedores.