Custos comerciais e de distribuição do grupo Air France KLM sobem 17% no 2º trimestre

01-08-2018 (17h51)

Foto Air France
Foto Air France

O grupo Air France KLM, que desde Abril passou a cobrar uma taxa pelas reservas em GDS, alegadamente para promover a opção NDC da IATA e reduzir custos de distribuição, indicou hoje que os seus custos comerciais e de distribuição subiram 17% no segundo trimestre.

A informação não especifica o que o grupo, do qual faz parte também a Transavia, inclui nessa rubrica de custos, cujo montante no segundo trimestre foi de 278 milhões de euros, mais 40 milhões que no trimestre homólogo de 2017.

Para o conjunto do primeiro semestre, o balanço divulgado pelo grupo Air France KLM indica 510 milhões em custos comerciais e de distribuição, +9,4% ou mais 44 milhões que no primeiro semestre de 2017.

Esta informação mostra que o grupo teve pois um aumento significativo de custos comerciais e de distribuição no segundo trimestre, em que já tinha em vigor a sua nova política de distribuição, anunciada em inícios de Novembro de 2017 (para ler mais clique: Air France KLM confirma taxa GDS a partir de Abril, mas sem adiantar o valor e Air France KLM anuncia que a partir de Janeiro terá um API NDC).

 

Clique para mais notícias: Air France KLM

Clique para mais notícias: NDC

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Agências de viagens

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Hotéis no Sal e na Boavista estão “no limite da sua capacidade” para o Fim de Ano – presidente da AAVTCV

10-12-2018 (12h58)

Os hotéis das ilhas cabo-verdianas do Sal e da Boavista estão “no limite da sua capacidade” para o réveillon, e os principais mercados emissores são o Reino Unido e Portugal, segundo Mário Sanches, presidente da Associação das Agências de Viagem e Turismo de Cabo Verde (AAVTCV).

Cabo Verde deve apostar na “diversidade e qualidade da oferta” turística – presidente da AAVTCV

10-12-2018 (12h56)

Mário Sanches, presidente da Associação das Agências de Viagem e Turismo de Cabo Verde (AAVTCV), considera que Cabo Verde deve apostar na criação de "roteiros e alternativas capazes de acrescentar valor e interesse para que consigamos atrair mais turistas e novos mercados".

Siris e Evergreen Coast assinam acordo para comprar a Travelport

10-12-2018 (11h55)

A Siris Capital Group e Evergreen Coast Capital Corporation assinaram um acordo para comprar a Travelport Worldwide Limited por 4,4 mil milhões de dólares, cerca de 3,86 mil milhões de euros.

Travelport partilha insights do NDC - Por Ian Heywood

07-12-2018 (17h01)

A 23 de Outubro anunciámos que a nossa solução NDC estava operacional numa agência de viagens baseada no Reino Unido, a Meon Valley Travel, e que tivemos êxito em tornar-nos o primeiro operador GDS a gerir uma reserva comercial de voos utilizando o standard técnico NDC da IATA.

Musement (TUI) assina acordo para vender excursões e actividades no Google

07-12-2018 (14h44)

A Musement, uma startup tecnológica especializada na venda de excursões, passeios e actividades, comprada pelo Grupo TUI em Setembro, assinou um acordo para integrar a sua oferta na Reserve with Google, uma solução que irá permitir vender através do Google Search, Maps e Assistente.