Área de Soluções ultrapassa GDS na contribuição para os proveitos do Amadeus

31-07-2019 (17h16)

Imagem: Amadeus
Imagem: Amadeus

A tecnológica Amadeus revelou hoje que no primeiro semestre a contribuição da actividade de GDS para a receita foi menor que a da área de Soluções para companhias de aviação e aeroportos, em que sobressai o Altea, de gestão de passageiros e que é utilizado entre outras pela TAP.

A informação publicada pelo Amadeus indica que embora a área de Distribuição (processamento de reservas das agências de viagens) tenha realizado um volume de negócios 440,4 milhões de euros superior à Área IT Solutions, em contribuição para os seus proveitos, ou seja, descontados os encargos líquidos da actividade, a IT Solutions teve uma contribuição para os proveitos da companhia de 781,7 milhões de euros, superior em 13,9 milhões à da Distribuição.

O balanço mostra que enquanto no primeiro semestre a área de IT Solutions teve um aumento das receitas em 31%, para 1.196,6 milhões de euros, que ‘aguentou’ o aumentos custos operacionais líquidos em 63,9%, para 414,9 milhões, proporcionando um aumento da contribuição para os proveitos da companhia em 18,4%.

A Área da Distribuição, por sua vez, teve um aumento das receitas em 4,7%, para 1.637 milhões de euros, e os custos operacionais líquidos subiram 6,6%, para 869,2 milhões, pelo que a sua contribuição para a companhia teve um aumento de apenas 2,6%.

A informação do Amadeus assinala ainda que no primeiro semestre deste ano baixou em um ponto percentual a percentagem de receita da Distribuição que é contribuição para a companhia, para 46,9%, enquanto na IT Solutions embora com um decréscimo de sete pontos da percentagem de facturação que é contributo para a companhia, ficando em 65,3%, esta teve um aumento de 121,6 milhões de euros.

O balanço evidencia ainda que apesar destas flutuações, a Amadeus IT teve um aumento do EBITDA (resultado antes de juros, impostos, amortizações e provisões) no segundo trimestre em 10,1%, para 593,6 milhões de euros, e para o semestre declarou 1.193,4 milhões, com um aumento em 10,7%.

O lucro líquido, por sua vez, foi de 306,8 milhões de euros no segundo trimestre, em alta de 8,5%, e de 617,8 milhões no primeiro semestre, em alta de 8,4%.

 

Clique para mais notícias: Amadeus

Clique para mais notícias: Agências de viagens

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Wamos Air quer captar mais portugueses para os seus voos

23-01-2020 (10h48)

A Wamos Air assina esta quinta-feira um acordo para formalizar a sua representação em Portugal pela ATR, disse ao PressTUR David Blázquez, commercial routes manager, que assume o objectivo de captar mais passageiros no mercado português.

Portugal é destino de 20% das vendas da Tourmundial para a Península Ibérica

23-01-2020 (10h47)

Luis Ortiz de Vallejuelo, director Comercial da Tourmundial, disse ao PressTUR que Portugal “é um produto muito importante”, com um peso de cerca de 20% nas vendas do operador turístico para a Península Ibérica.

Disney Destinations Experience apresenta três produtos a agentes de viagens

22-01-2020 (22h20)

A Disney Destinations Experience, evento formativo direccionado a agentes de viagens que incidiu sobre três produtos da empresa e que contou com a presença do director de vendas da Disney para Portugal e Espanha, Tiago Santos, decorreu em Lisboa no Epic Sana, pelas 19h de ontem, 21 de Janeiro.

Diamantino Pereira volta ao mercado com empresa de tours e transporte

22-01-2020 (18h00)

O ex-director da Viagens Abreu e da Ávoris em Portugal Diamantino Pereira está de volta ao mercado com uma empresa de tours e transporte, a DP Tours Plus, que quer diferenciar-se pela “qualidade”, garantiu ao PressTUR.

Portugal é “um mercado muito importante” onde a Globalia quer crescer — Javier Hidalgo, CEO

22-01-2020 (14h32)

A Globalia, dona da Air Europa e dos hotéis Be Live, entre outras empresas de turismo, como o operador Travelplan, presente em Portugal, vê o país como um mercado "muito importante" onde ambiciona crescer em várias áreas de negócio, disse ao PressTUR Javier Hidalgo, CEO do grupo.

Noticias mais lidas