Quebra de turistas estrangeiros na Dominicana em Julho e Agosto leva balanço de 2019 para ‘o vermelho’

27-09-2019 (14h07)

Imagem: www.godominicanrepublic.com
Imagem: www.godominicanrepublic.com

A República Dominicana estava no fim de Agosto com uma quebra de turistas estrangeiros não residentes em 1,8% ou 71,1 mil, provocada pelas quebras que se sucedem desde Junho, associadas às notícias sobre mortes de turistas em resorts do país.

Os dados publicados pelo Banco Central da Dominicana indicam quebras das chegadas de turistas estrangeiros não residentes em 2,5% em Junho, 485,4 mil, em 16,1% em Julho, para 470,4 mil, e em 12,2% em Agosto, para 396,2 mil, ‘seguindo’ a evolução do seu maior emissor, os Estados Unidos, que também foi o mercado onde teve mais repercussão o caso das mortes, com quebras em 24,6% em Julho e em 24,4% em Agosto.

Curiosamente, as chegadas da Europa, que estavam a registar quedas sucessivas, em Agosto até registaram crescimento, em 4,9%, assente em forte aumento das chegadas de Espanha (+29,4%, para 111,8 mil), França (+9,8%, para 18,8 mil) e Itália (+32,7%, para 10,2 mil).

Dos Estados Unidos, porém, a Dominicana teve menos 50,3 mil turistas só no mês de Agosto, a que se somou uma quebra em 7,7 mil do Canadá, segundo maior emissor.

As chegadas de turistas estrangeiros não residentes à Dominicana nos primeiros oito meses deste ano, de acordo com os dados oficiais, regista nos primeiros oito meses uma quebra em 1,8% ou 71,1 mil, para 3,956 milhões, 61,9% deles (2,449 milhões) da América do Norte, com uma quebra em 0,1% ou 1,4 mil, pela quebra do Canadá (-1,8% ou menos 12 mil, para 658 mil) e a estagnação dos Estados Unidos (+0,1% ou mais 2,6 mil, para 1,757 milhões).

Da Europa, que representou nos primeiros oito meses 21,6% dos turistas estrangeiros não residentes que estiveram na Dominicana, num total de 856,3 mil, apesar da subida em Agosto ainda está com uma quebra em 4,9% ou 43,9 mil.

Esta quebra está associada a quebras dos seus três maiores emissores europeus, a França, com 159,9 mil (4% do total), a Alemanha, com 126,8 mil (3,2% do total), e a Rússia, com 126,3 mil (3,2% do total).

Nos primeiros oito meses deste ano, as chegadas de turistas residentes em França estão com uma quebra em 2,5% ou 4,1 mil, as chegadas da Alemanha baixam 10,7% ou 15,3 mil e da Rússia baixam 6,1% ou 8,2 mil.

Entre os maiores emissores o que mais cresce é Espanha (2,8% do total), com um aumento em 5,2% ou 5,6 mil, para 111,8 mil (2,8% do total), nomeadamente pelo aumento em Agosto em 29,4% ou 5,4 mil, para 24 mil, que foi ‘o maior contingente’ da Europa neste mês.

A maior quebra, por sua vez, é das chegadas de Inglaterra, 5º maior emissor, com 107,7 mil turistas na Dominicana nos primeiros oito meses deste ano (2,7% do total), que regista um decréscimo em 17,1% ou 22,3 mil em relação aos primeiros oito meses de 2018, incluindo uma quebra em 15% ou três mil no mês de Agosto, para 17,2 mil.

Clique para ler:

Forte quebra de turistas portugueses na Dominicana acentua-se em Agosto

 

Clique para mais notícias: Dominicana

Clique para mais notícias: Caraíbas


Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Roadshow “Autêntica Cuba” visita o Porto na próxima semana

07-10-2019 (13h22)

O Ministério de Turismo de Cuba promove na próxima semana uma série de eventos de apresentação da oferta turística do país, com agentes de viagens, operadores turísticos, grupos hoteleiros e companhias aéreas, com visita ao Porto marcada para sexta-feira, dia 18.

Forte quebra de turistas portugueses na Dominicana acentua-se em Agosto

27-09-2019 (14h02)

A Dominicana teve em Agosto uma quebra de turistas residentes em Portugal em 15,9%, depois de quedas em 5,1% em Junho e em 8,9% em Julho, ou seja, desde que surgiram notícias sobre mortes de turistas em resorts no país, a maior parte delas ainda inexplicadas, com a quebra a centrar-se nos voos directos para Punta Cana, que têm um decréscimo em 18,2%.

Soltour anuncia descontos até 35% para Caraíbas e ilhas espanholas

19-09-2019 (18h11)

O operador turístico Soltour está a anunciar uma campanha de “Descontos da Felicidade”, com reduções até 35% por pessoa e alojamento grátis para crianças em hotéis Bahia Principe nas Caraíbas e ilhas espanholas.

Sonhando anuncia Varadero desde 738 euros

19-09-2019 (17h49)

O operador turístico Sonhando está a anunciar a sua “última oferta” para férias de Verão na estância balnear de Varadero, o maior destino de praia em Cuba, com preços desde 738 euros por pessoa em quarto duplo.

Pelas estradas de Cuba, de Santiago a Havana

06-09-2019 (09h08)

Em mais de 1.600 quilómetros de estrada, de Santiago a Havana, pouco escapou aos profissionais de turismo portugueses e espanhóis que participaram nesta viagem a Cuba. Visitaram cidades que ainda estão a despertar para o turismo, conheceram novos hotéis e praias paradisíacas.

Noticias mais lidas