Feira Medieval de Pinhel inclui uma ceia com cerca de 350 comensais

30-05-2018 (17h29)

Imagem: cm-pinhel.pt
Imagem: cm-pinhel.pt

A cidade de Pinhel acolhe entre sexta-feira e Domingo a 4ª edição da Feira Medieval, que inclui a recriação de uma ceia da época que contará com cerca de 350 comensais.

A Câmara Municipal de Pinhel, que organiza o evento anual, indica que a edição de 2018 da Feira Medieval da Cidade Falcão - Guarda-Mor do Reino e Senhorios de Portugal, proporciona "três dias de grande animação ao estilo medieval".

Durante a iniciativa, que terá como cenário o centro histórico, a cidade de Pinhel, no distrito da Guarda, irá "recuar no tempo", anuncia a organização.

Dos três dias do programa, a autarquia destaca a Ceia Medieval, agendada para as 19h30 de sábado.

A refeição, que contará com cerca de 350 comensais, terá lugar junto ao castelo, o ponto mais alto da cidade de Pinhel, "onde têm lugar algumas das principais encenações e representações baseadas em factos históricos", segundo a organização.

A Câmara Municipal presidida por Rui Ventura refere, em nota enviada à agência Lusa, que a feira decorrerá no centro histórico de Pinhel, considerado "o cenário ideal para um evento que pretende transportar os visitantes até à época medieval, época marcada por vivências rurais, mas também por constantes disputas pela posse dos territórios", principalmente naquela zona situada próximo da fronteira com Espanha.

Durante o evento, haverá mercadores, taberneiros, manjares, cortejos, torneios, música, dança, artes circenses, espetáculos de fogo, encenações, animação de rua e "uma forte componente cénica baseada em referências históricas de Pinhel e da região".

O falcão é também presença obrigatória na Feira Medieval de Pinhel, ou não fosse o testemunho "mais representativo" da cidade, segundo a fonte.

A Feira Medieval começa pelas 14h de sexta-feira, com a abertura do mercado, a que se segue um cortejo medieval (pelas ruas e vielas de Pinhel, com final na Praça do Castelo), e encerra às 19h de Domingo, após um espectáculo com todos os intervenientes.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais propostas: Cá Dentro

Clique para mais propostas: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Catedral de Idanha-a-Velha recebe cimeira internacional sobre sustentabilidade

11-10-2018 (11h30)

A associação Aldeias Históricas de Portugal esta a promover a International Summit: Cultural Sustainable Destinations without Borders, que vai decorrer nos dias 15, 16 e 17 de Novembro na Catedral de Idanha-a-Velha.

Casa do Século XV em Monção transformada em enoturismo dedicado ao Alvarinho

10-10-2018 (18h16)

Uma casa do século XV em Monção reabre séculos depois, no Verão de 2019, como unidade de enoturismo e centro de experimentação do vinho Alvarinho, num investimento próximo de três milhões de euros, disse hoje à Lusa o promotor.

Turismo do Centro elogia reconhecimento europeu para Coimbra Região da Gastronomia 2021

09-10-2018 (00h28)

O presidente do Turismo Centro de Portugal (TCP), Pedro Machado, disse hoje que a atribuição do título de Região Europeia da Gastronomia 2021 a Coimbra é o reconhecimento europeu de uma região que tem produtos de elevada qualidade.

Solférias acrescenta circuitos aos seus programas de réveillon na Madeira

08-10-2018 (12h34)

O operador turístico Solférias anunciou hoje ao mercado a disponibilização de “circuitos de reveillon” a complementar os seus pacotes para o fim do ano na Madeira com voos TAP de Lisboa e do Porto.

Idanha-a-Velha 'celebra' descoberta arqueológica

03-10-2018 (14h20)

Idanha-a-Velha, que pertence à rede de Aldeias Históricas de Portugal, está a 'celebrar' a descoberta daquela que pode ser uma das portas principais da Egitânia, uma antiga cidade romana que chegou a ser habitada por suevos e visigodos.