Baralhar os sentidos no Grand Canyon West

06-10-2008 (10h18)

Deserto onde não falta actividade (1)

Do outro lado da fronteira do Nevada, já no estado do Arizona, está uma das mais recentes atracções turísticas da região, o skywalk, uma ponte em vidro construída a 1.200 metros de altura, no Grand Canyon West, que dá a sensação de caminhar no vazio baralhando os sentidos aos visitantes.

 

A ponte em vidro, em forma de arco que ultrapassa a berma do precipício, constitui um verdadeiro desafio aos visitantes. Ao dar os primeiros passos sobre a ponte, com umas sapatilhas próprias entregues à entrada para não riscar a superfície, o cérebro entra em conflito uma vez que por um lado recebe sinais que lhe indicam que está sobre uma superfície sólida e por outra tem estímulos visuais que lhe dizem que está suspenso a uma altura de 1.200 metros.

A ponte está construída para aguentar mais de 32,2 mil toneladas – equivalente ao peso de 71 aviões Boeing 747 –, ventos de mais de 160 quilómetros/hora vindos de oito direcções e tremores de terra de magnitude até 8.0 que se produzam num raio de 90 quilómetros.

Apesar da segurança que oferece, os primeiros passos poderão ser um pouco receosos, mas uma vez vencida insegurança, os turistas podem sentar-se ou deitar-se sobre a ponte, tudo em prol de uma experiência única com vistas deslumbrantes.

Quem por alguma razão não se sentir confortável, tem sempre a hipótese de caminhar sobre as partes opacas do vidro que existem nas zonas laterais ao longo da ponte.

Uma vez que não é permitido transportar qualquer tipo de objectos para a ponte, para quem queira levar uma recordação do lugar, existem fotógrafos na ponte que estão mais do que satisfeitos por poder satisfazer esse desejo.

A nova atracção turística abriu em Março de 2007 e será alvo de um documentário a transmitir em 2009 pelo canal National Geographic cujas primeiras filmagens já começaram.

O Skywalk está localizado no Grand Canyon, e está inserido na reserva índia dos Hualapai. Esta tribo é proprietária e gere a Grand Canyon West Corporation que opera diversos pontos turísticos entre os quais a ponte de vibro, a reprodução de uma aldeia indígena com os diversos tipos de habitação, o mercado Hualapai, o restaurante no miradouro em Guano Point, o rancho Hualapai que reproduz uma cidade do velho oeste com demonstrações de cowboys onde não falta o saloon com as bailarinas ou a prisão.

Os tours no Grand Canyon West são organizados em hop-on-hop off, entre o eaglepoint (onde se localiza a ponte de vidro) , a aldeia indía, o Guano point, onde é dado o almoço no miradouro e fica o mercado, e a velha cidade do oeste, que é a última paragem.

Além deste percurso feito em autocarro, os visitantes podem ter perspectivas do Grand Canyon através de passeios de helicóptero, de barco pelo rio Colorado ou em veículo todo terreno, os conhecidos Hummer.

As agências organizam passeios em colaboração com a corporação Grand Canyon transportando os turistas até aos pontos de visita e proporcionam diversos tours integrando itinerários e durações diferentes, como por exemplo uma visita à barragem de Hoover Dam localizada na fronteira entre os estados do Nevada e do Arizona, ou o passeio ao Grand Canyon West Rim, de dez horas que inclui voo, barco e jeep.

Outros tours incluem o Red Rock Canyon, a montanha Charleston, Valley of Fire, o Eldorado Canyon ou o Death Valley.

 

América do Norte

Pow Wow

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Furacão Michael ainda pode ganhar força antes de chegar à Florida

10-10-2018 (17h20)

O furacão Michael, com ventos máximos sustentados de 230 Km/h, o que já o coloca na categoria de "extremamente perigoso", ainda poderá ganhar mais intensidade antes de chegar à Florida esta noite, indica o último boletim do National Hurricane Center (NHC) dos Estados Unidos.

Tui Portugal anuncia circuito no Perú desde 2.024 euros

09-10-2018 (14h42)

A Tui Portugal está a promover o programa "Machu Picchu", no Perú, que além de passar pela Cidade Sagrada dos Incas, também leva os participantes a conhecer o Vale Sagrado, e as cidades de Cusco e Lima.

Furacão Michael assola Cuba Ocidental e dirige-se para a Florida, EUA

08-10-2018 (23h34)

O furacão Michael, actualmente de categoria 1 com ventos máximos continuados de 130 Km/h, estava às 21h00 UTC de hoje a apenas 45 quilómetros a Noroeste da ‘ponta’ mais ocidental de Cuba e segundo os meteorologistas do National Hurricane Center (NHC) está a ganhar intensidade enquanto se dirige para a Florida, Estados Unidos.

TUI Portugal propõe viagem pela “Patagónia Chilena”

14-09-2018 (18h57)

O operador turístico TUI Portugal divulgou para o mercado um programa de viagem pela “Patagónia Chilena”, um circuito com oito noites de alojamento para visitar Santiago do Chile, Puerto Montt, Puerto Varas e outros destinos.

Solférias propõe viagem para conhecer “o melhor de Nova Iorque”

13-09-2018 (17h55)

O operador turístico Solférias divulgou para o mercado um programa de viagem para conhecer “o melhor de Nova Iorque”, com voos TAP, quatro noites de alojamento e visitas guiadas.