Bahamas prontas para receber turistas apesar da intensidade do embate do Irene

26-08-2011 (10h01)

As Bahamas, que foram a região mais atingida pelo furacão Irene até hoje, sofrendo o seu impacto na maior força e em toda a extensão do arquipélago, já vieram anunciar, através do Ministério do Turismo, que as principais instalações turísticas apenas sofreram “danos limitados” e em breve estarão operacionais.

As notícias da imprensa internacional destacam que a passagem do Irene pelas Bahamas deixou um vasto rasto de casas destruídas e inundações, mas principalmente em ilhas mais pequenas.
O caso mais apontado continua a ser o da povoação de Lovely Bay, na ilha de Acklins, onde, segundo os relatos da imprensa, os ventos ciclónicos destruíram 90% das casas.
As notícias destacam que as Bahamas foram varridas de cima a baixo pelo Irene, um furacão não só de grande intensidade, com ventos máximos continuados de 185 Km/hora (Categoria 3 na escala Saffir-Simpson), como de grande dimensão, provocando condições de tempestade tropical numa área com um diâmetro acima dos 900 quilómetros, e que só nos próximos dias vai ser possível fazer um balanço dos estragos que provocou, dada a quantidade (700) e dispersão das ilhas.
A CNN noticiou que as Bahamas procuram regressar à vida habitual, mas que as autoridades ainda estão a alertá-las de que não devem sair para a rua enquanto não for garantido que é seguro.
A notícia diz que não há informações de vítimas nas Bahamas, cuja ilha mais povoada é New Providence, onde fica a capital, Nassau, onde um residente norte-americano, citado nessa notícia, relatou que à passagem do Irene parecia que vários aviões estavam a aterra em casa.
“Mas assim que começou a nascer o dia soubemos que as coisas iam estar ok”, acrescentou.
Ainda segundo a CNN, as primeiras avaliações apontam para poucos problemas nos principais locais para o turismo, referindo que as ilhas mais atingidas foram Cat, San Salvador e Long, nas quais se registaram inundações de monta, com a água a atingir entre 60 e 90 centímetros dentro de algumas casas.
O Ministério do Turismo das Bahamas já veio assegurar que em breve as instalações turísticas estarão de novo operacionais, principalmente nas ilhas de New Providence e Grand Bahama, sublinhando que um primeiro balanço indica que sofreram “danos limitados”.
A informação sublinha que cerca de seis mil hóspedes viveram a tempestade no maior resort do País, o Atlantis, e adianta que os portos de cruzeiro e aeroportos voltarão a operar a operar a partir de hoje.


Nova Iorque em estado de emergência para prevenir impacto do furacão Iene
Furacão Irene afecta uma área com mais de 900 Km de diâmetro
Furacão Irene provoca danos extensos nas Bahamas. Carolina do Norte inicia preparativos
Turistas e residentes das Bahamas apressam preparativos para “a chegada” o furacão Irene
Furacão Irene atinge categoria 3 enquanto avança para as Bahamas e EUA
Furacão Irene obriga navios de cruzeiro a alterar itinerários nas Bahamas
País já está “livre” do furacão Irene - Turistas portugueses que estavam na Dominicana chegaram ao princípio da manhã a Lisboa
Centro do furacão Irene a 80 Km de Puerto Plata. Dominicana mantém-se alerta
Irene já é um furacão de categoria 2. “O pior ainda não passou” - avisa COE dominicano
Furacão Irene tende a ganhar intensidade enquanto passa perto da costa Norte da Dominicana
Charter para Punta Cana já partiu de Lisboa
NHC classifica Irene como furacão com ventos máximos continuados de 120 Km/hora
“Quase” furacão Irene vai afectar mais a costa Norte da Dominicana
Toda a costa dominicana passou a estar com aviso de aproximação de furacão
Dominicana eleva grau de alerta no País para furacão na Costa Sul e tempestade a Norte
Dominicana emite aviso de tempestade tropical pela aproximação da Irene
“Onda tropical” próxima do Mar das Caraíbas tem 90% de probabilidade de evoluir para ciclone

Para aceder à página do NHC clique aqui
Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Mais uma tempestade tropical está em formação no Atlântico

02-09-2019 (18h40)

Enquanto o Dorian vai percorrendo a costa Leste da Florida como furacão de Categoria 4, mais uma tempestade tropical está em formação, junto ao arquipélago de Cabo Verde.

Furacão Dorian vai percorrer a costa da Florida a ‘engrossar’

31-08-2019 (16h03)

Os meteorologistas do National Hurricane Center (NHC) dos Estados Unidos divulgaram uma nova e muito diferente previsão da próxima trajectória do furacão Dorian, que já não ‘aterra’ na Florida, antes seguindo para Norte junto à sua costa e, portanto, com potencial para ‘engrossar’ pois estará sempre sobre o oceano.

Furacão Dorian vai ganhando força enquanto se aproxima da Florida

30-08-2019 (15h20)

O furacão Dorian, que um avião ‘caça furacões’ confirmou estar muito próximo da Categoria 3 da escala Saffir-Simpson, o que faz dele um “major”, está cada vez mais próximo da costa Leste da península da Florida, Estados Unidos, cujo governador declarou o estado de emergência em mais de 25 condados.

Meteorologistas prevêem Dorian a atingir a Florida como ‘major hurricane’

29-08-2019 (14h43)

O Dorian, primeiro furacão deste ano no Atlântico, vai atingir a categoria do que os meteorologistas do National Hurricane Center (NHC) dos EUA denominam “major hurricane”, um furacão de categoria 3 ou superior, com ventos superiores a 178 Km/h antes de atingir a Florida, pelas previsões actuais na região de Vero Beach e Fort Pierce.

TAP vende Lisboa - São Francisco desde 388 euros

27-08-2019 (16h20)

A TAP está a anunciar promoções desde 388 euros para voos de Lisboa para São Francisco, "uma cidade cheia de surpresas, sempre em renovação", com atracções emblemáticas como as suas ruas íngremes, os eléctricos e a Golden Gate Bridge.

Noticias mais lidas